Incomodado, Cuca desabafa contra o 'Cucabol' e defende lateral longo

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

O técnico Cuca apareceu na sala de entrevista coletiva apenas uma hora após o fim do duelo deste sábado contra o Coritiba, no Allianz Parque. A demora após o placar de 2 a 1 diante do adversário paranaense serviu para o treinador conversar com o elenco, desabafar diante dos microfones e alertar o elenco contra a máxima dos 'jogos fáceis.'

Depois da complicada vitória, o treinador palmeirense desabafou contra as críticas do estilo de jogo, especialmente em relação às cobranças longas de lateral do meio-campista Moisés.
 
"A gente criou a jogada de lateral na área porque as dimensões diminuíram, porque temos um cobrador e porque temos jogadores altos e bons para isso. Acho que as pessoas tinham que ter um pouco mais de respeito com a gente. Antes, não tinha lateral. Será que vão falar que é 'Cucabol'?", perguntou.
 
"Ninguém gosta de ouvir coisas assim, de repente começa a puxar as coisas para o lado pessoal. Na Arena, contra o Corinthians, o Palmeiras fez um jogo perfeito. Vamos ver se a jogada ensaiada vai passar em branco, não tem problema. O que importa é que o Palmeiras ganhou para gosto de um, desgosto de outros", afirmou.
 
O comandante do líder da Série A aproveitou a palestra após o final do confronto para chamar o elenco, que viu uma partida tranquila se complicar – o Palmeiras abriu 2 a 0, mas o Coritiba diminuiu o placar e ensaiou a reação na parte final do confronto.
 
"Ficamos felizes porque vencemos e jogamos bem, a gente até demorou mais [no vestiário] conversando para eles entenderem que não tem jogo fácil. Serão todos difíceis como foi com o Coritiba", destacou o treinador, preocupado com o final de jogo do Palmeiras.
 
"Eles [jogadores do Palmeiras] se colocaram melhor, distribuímos mais o jogo e poderíamos ter feito outros, aí vem um descuido que você tem, e uma única fez que descuidamos virou 2 a 1, virou outro jogo. Esse medo de tomar o gol permanece até o final, porque perdemos as chances de matar o jogo", finalizou.
 
O Palmeiras retorna aos treinamentos na próxima segunda-feira, quando inicia a preparação para o confronto de quarta contra o Grêmio, em Porto Alegre, válido pelas quartas de final da Copa do Brasil. O segundo jogo pelo torneio mata-mata está marcado para o dia 19, no Allianz Parque.

Jogadores ratificam postura de Cuca

Os jogadores do Palmeiras saíram em defesa do estilo de jogo apresentado pela equipe. Dois dos líderes do elenco, o meia-atacante Dudu e o zagueiro Vitor Hugo, minimizaram a importância de atuar de uma maneira mais plástica e valorizaram os resultados acumulados no Brasileiro.
 
"Não precisa jogar bonito, tem outros times fora do Brasil que fazem isso. Temos que fazer nosso papel e vencer os jogos para levantar a taça no final do ano", declarou o meia Dudu.                        
 
"Se conseguir jogar bem e também o resultado, ótimo. Se vier só o resultado, vamos comemorar do mesmo jeito.Importante é ganhar", opinou Vitor Hugo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos