Neymar "voa livre" sem Messi e lidera show do Barça, diz imprensa espanhola

Do UOL, em São Paulo

No seu primeiro jogo sem Lionel Messi no Espanhol, desfalque de três semanas por lesão na coxa direita, o Barcelona viu Neymar despontar como líder do time. No último sábado (24), o clube catalão visitou o Sporting Gijón e emplacou goleada por 5 a 0, com dois gols do brasileiro. A avaliação da imprensa local sobre a atuação do camisa 11 foi mais do que positiva.

A vitória fez o Barça, agora com 13 pontos, colar no Real Madrid, líder da competição que soma um ponto a mais. 

Neymar "voa livre" sem Messi

Reprodução / Marca

O jornal Marca, de Madri, destacou a movimentação do brasileiro, menos preso ao lado esquerdo do ataque e mais solto para cair pela zona central. "A ausência de Messi foi chave para que ele jogasse com liberdade, porque não havia risco de 'trombar' com o argentino", avaliou a publicação. "Contra o Sporting, Neymar ocupou posições mais interiores, ainda que sempre arrancasse desde a ponta esquerda, seu habitat natural", prosseguiu. Para sustentar a explicação, ilustrou o texto com um mapa de calor do craque. 

Jornal da Catalunha, o Mundo Deportivo fez análise semelhante: "Neymar, como estava previsto, assumiu liberdade de movimentos própria de Messi e causou muito dano na zaga adversária, especialmente nos embates com o lateral Lillo". 

O comandante do show

Reprodução / Sport

Neymar foi tratado como o "comandante" do show do Barça. O Marca viu um Neymar "exuberante" em campo. Lembrou até que na temporada passada, quando Messi se lesionou, o camisa 11 colocou "a equipe nas costas" e marcou 10 gols em oito partidas. 

Os elogios foram ainda mais generosos nos jornais da Catalunha. O Mundo Deportivo destacou: "Neymar dirigiu o ataque azulgrená com passes entre as linhas". E em outro trecho: "O brasileiro teve papel de protagonista. Mais responsável, sem recorrer a firulas e adornos, foi quem gerou e impulsionou as jogadas do time".

O Sport dividiu o mérito do craque com Suárez: "Ausente Messi, Luis Suárez e Neymar apareceram para decidir". 

A grande ação de Neymar depois do jogo

Reprodução / Mundo Deportivo

Neymar não foi elogiado só por decidir a partida. Depois do apito final, cruzou o campo para entregar sua camisa a um torcedor do Sporting Gijón com Síndrome de Down. Os dois se abraçaram, em ato elogiado pela imprensa local. 

"Um bonito gesto do craque brasileiro", avaliou o Mundo Deportivo. "Um toque especial de Neymar para encerrar a tarde, após uma grande atuação", disse o As.

Para o Sport, o camisa 11 "sem dúvidas deixou o melhor para depois do apito final". E acrescentou que, apesar de ter visto seu time levar uma goleada, o garoto "não se esquecerá do gesto humano que Neymar teve no estádio". 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos