Lateral marfinense do PSG é condenado a dois meses de prisão

Do UOL, em São Paulo

  • FRANCK FIFE/EFE

O lateral direito marfinense Serge Aurier, do Paris Saint-Germain, foi condenado a dois meses de prisão nesta segunda-feira (26)  por um incidente em abril. Na ocasião, ele havia sido detido por insultar a polícia e atacar um oficial ao deixar uma balada em Paris pela manhã. 

A sentença expedida pela justiça francesa também incluiu uma multa de 2,1 mil euros (R$ 7,6 mil) pela agressão. O Paris Saint-Germain recorreu ao caso. Apesar da condenação, Aurier não deve ir para trás das grades, isso porque ele pode cumprir a pena em liberdade, realizando serviço comunitário.

Depois da sentença ser divulgada, o jogador divulgou uma nota em seu Twitter sobre o caso acalmando os fãs e agradecendo o apoio de todos. "Eu acredito na justiça e espero a chamada dela para falar sobre o assunto. Eu li o que tem saído na imprensa e estou ciente. Não era o que eu gostaria de ler. Eu sou sortudo por ter transformado minha paixão em minha profissão. Eu vou continuar trabalhando forte e treinando para que falem de troféus que queremos ganhar com o time pelo nosso clube e por nossas famílias", disse. 

O jogador vem de uma partida ruim para o PSG. Na derrota por 2 a 0 para o Tolouse na última sexta-feira (23), o lateral foi expulso. Titular na posição, Aurier poderá atuar nesta quarta-feira (28) contra o Ludogorets, em confronto válido pela Liga dos Campeões.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos