Após mal-entendido, São Paulo diz que vice-presidente segue na diretoria

Pedro Lopes

Do UOL, em São Paulo, com agências

  • Rubens Chiri/saopaulofc.net

    Rubens Moreno (esq.) e Roberto Natel (dir.), do São Paulo

    Rubens Moreno (esq.) e Roberto Natel (dir.), do São Paulo

Na tarde desta terça-feira, o UOL Esporte e diversos outros veículos da imprensa esportiva publicarem que o vice-presidente geral do São Paulo, Roberto Natel, havia deixado o cargo e a diretoria. A informação não era verdadeira: na noite desta terça, o clube do Morumbi informou à reportagem, de forma oficial, que Natel segue no cargo.

A informação de sua saída chegou a ser confirmada por diferentes pessoas de diferentes departamentos da diretoria são-paulina, mas acabou desmentida. Não há ainda uma explicação para o ocorrido.

Membros da situação já não apontavam Leco como candidato absoluto para a próxima eleição em abril de 2017 e colocavam Natel como uma alternativa forte. Isso seria um sinal de que a unidade na gestão já não saltaria aos olhos. Há situacionistas falando até mesmo em "desidratação" da gestão. 

Natel ocupou a vice-presidência também na gestão de Juvenal Juvêncio, e era um dos nomes cotados para ser o sucessor do folclórico presidente. Acabou, entretanto, preterido em favor de Carlos Miguel Aidar. Apoiou o novo mandatário por alguns meses, ocupando novamente uma vice-presidência, mas deixou o cargo quando Aidar rompeu com Juvenal.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos