Ganso usa calcanhar para brilhar em fim de semana com brasileiros em alta

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Sevilla

    Paulo Henrique Ganso na partida do Sevilla contra o Alavés pelo Campeonato Espanhol

    Paulo Henrique Ganso na partida do Sevilla contra o Alavés pelo Campeonato Espanhol

Acabou o martírio de Ganso na Espanha – ou ao menos ele ganhou um respiro. Depois de semanas sem render bem e sob críticas, o meia foi destaque na vitória do Sevilla com um lindo passe de calcanhar. Foi o ponto mais alto de um bom fim de semana para os brasileiros, que ainda tiveram bons momentos com Firmino, Diego Alves e Fernandinho.

Veja, abaixo, a relação dos brasileiros que foram bem e aqueles que decepcionaram no fim de semana:

Sobe

Ganso

O meia começou mal sua passagem pela Espanha. Após alguns jogos sem render, chegou a ser barrado pelo técnico Jorge Sampaoli. No último sábado, viveu seu primeiro momento brilhante no novo clube. Na vitória do Sevilla por 2 a 1 sobre o Alavés, ele acertou um lindo passe de calcanhar para o gol de Bem Yedder. A imprensa local rasgou elogios e chamou o lance de "barbaridade".

Diego Alves

Esquecido por Tite na seleção brasileira, o titular do Valencia mostrou que merece mais atenção do treinador. Na semana passada ele havia batido o recorde de defesas de pênalti do Campeonato Espanhol. No último domingo, ele pegou outras duas cobranças diante do Atlético de Madri. Embora seu Valencia tenha perdido por 2 a 0, ele arrancou elogios até de Diego Simeone, técnico rival.

Firmino

O atacante, uma das novidades de Tite para os jogos contra Bolívia e Venezuela, foi o grande destaque da vitória do Liverpool por 2 a 1 sobre o Swansea. Firmino empatou a partida com um gol de cabeça e ainda sofreu o pênalti convertido por Milner.

Fernandinho

PETER POWELL / EFE
O volante nem foi exatamente brilhante atuando pelo City, já que o time perdeu por 2 a 0 para o Tottenham. Fora dos gramados, no entanto, ele arrancou um baita elogio do chefe. No último sábado, Pep Guardiola disse à imprensa que o brasileiro foi fundamental para o bom começo do time no ano, disse que seria campeão se tivesse mais dois como ele e pediu que ele renove o contrato.

Willian

Srdjan Stevanovic/Getty Images
Um dos jogadores mais constantes do Chelsea, o meia brasileiro voltou a brilhar neste último fim de semana. O ex-corintiano foi o responsável por abrir o placar contra o Hull City em uma arrancada desde a intermediária que terminou em um chute colocado de pé direito.

Desce

Neymar

REUTERS/Miguel Vida
Com responsabilidade extra no Barcelona devido à ausência de Lionel Messi, lesionado, o brasileiro não foi bem na derrota por 4 a 3 para o Celta. No segundo tempo, quando os catalães reagiram após saírem perdendo por 3 a 0, Neymar perdeu pelo menos duas possibilidades claras de gol, uma delas nos minutos finais do confronto.

Gabriel

AP Photo/Luca Bruno
A revelação santista mais uma vez não teve o espaço que gostaria na Inter de Milão, que perdeu o clássico com a Roma por 2 a 1. Gabriel ficou no banco e sequer entrou em campo. Após o jogo, o técnico Frank de Boer explicou que o jovem atacante não está bem fisicamente e que, por isso, preferiu usar o montenegrino Jovetic.

Oscar

Andrew Couldridge Livepic/Reuters
Uma das novidades de Tite para os próximos da seleção, o ex-jogador de Inter e São Paulo segue sem fazer uma grande sequência pelo Chelsea. Neste fim de semana o meia, que tem atuado às vezes como volante na temporada, começou no banco na vitória do time por 2 a 0 sobre o Hull City.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos