França leva susto, mas goleia Bulgária e tem 1ª vitória nas Eliminatórias

Do UOL, em São Paulo

A França conquistou sua primeira vitória nas Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2018. Nesta sexta-feira (7), a equipe levou um susto ao sair atrás contra a Bulgária, mas buscou a virada e goleou por 4 a 1 no Stade de France, em Saint-Denis.

Aleksandrov colocou os búlgaros na frente convertendo pênalti, mas os franceses viraram ainda no primeiro tempo. Gameiro (dois), Payet e Griezmann fizeram os gols.

O resultado levou a França para quatro pontos no Grupo A, mesmo número de Holanda e Suécia, que também venceram na rodada. Já a Bulgária parou nos três pontos. Completam a chave Belarus (um ponto) e Luxemburgo (zero).

Sagna faz pênalti bobo, se redime e sai machucado

Benoit Tessier/Reuters

A França dominou as ações desde o apito inicial, mas um pênalti cometido pelo lateral direito Sagna logo aos 4 minutos complicou as coisas. Ele puxou a camisa de Milanov na área, e Aleksandrov bateu sem chances para o goleiro Lloris. A redenção de Sagna veio aos 22 minutos, com um cruzamento certeiro para Gameiro cabecear e empatar o jogo. O lateral saiu lesionado pouco depois.

Payet e Griezmann comandam reação

Philippe Wojazer/Reuters

Destaques da França na campanha do vice-campeonato na Eurocopa de 2016, Payet e Griezmann novamente foram os mais perigosos da seleção. O meia do West Ham fez o gol da virada ao tentar um cruzamento que passou por todo mundo e entrou direto para as redes. Já o atacante do Atlético de Madri deixou sua marca ao receber um "presente" da defesa da Bulgária na entrada da área, ajeitar para a perna esquerda e bater forte no canto.

Pogba tem nova atuação discreta

Benoit Tessier/Reuters

Contratação mais cara da história do futebol mundial, o meio-campista Paul Pogba não tem tido atuações exuberantes no Manchester United. E assim como na Eurocopa, ele voltou a ser discreto pela seleção francesa. Posicionado como volante ao lado de Matuidi, ele apareceu pouco no ataque e se limitou a ajudar na marcação e iniciar as jogadas ofensivas com passes simples.

Substituto de Giroud brilha com dois gols

Philippe Wojazer/Reuters

Com o titular Giroud machucado e Benzema ainda fora dos planos da seleção, quem assumiu o posto de centroavante foi Gameiro, que tem jogado bem pelo Atlético de Madri. E o camisa 9 correspondeu com dois gols típicos de centroavante: uma cabeçada certeira após cruzamento se Sagna e uma finalização de primeira, antecipando-se ao zagueiro, completando passe de Griezmann.

Veja os gols da Holanda na vitória sobre Belarus

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos