CR7 volta com 4 gols, e Portugal massacra para vencer 1ª nas Eliminatórias

Do UOL, em São Paulo

Cristiano Ronaldo voltou em alto estilo à seleção. Recuperado de uma lesão que o tirou da estreia na derrota contra a Suíça, o craque do Real Madrid marcou quatro gols - sendo três deles relâmpagos - para garantir a primeira vitória de Portugal nas Eliminatórias Europeias da Copa do Mundo. João Cancelo e André Silva, ainda deixaram suas marcas para concretizar um massacre por 6 a 0 sobre Andorra nesta sexta-feira (7).

Para os portugueses, a vitória foi importante para não deixar a Suíça, grande rival do Grupo B, disparar na liderança, já que apenas um time por chave se classifica de forma direta no Mundial que será realizado na Rússia. Agora, Portugal aparece na terceira posição com três pontos, enquanto Andorra é a lanterna com duas derrotas seguidas.
 
CR7 BRILHA EM TRÊS MINUTOS

AP/Paulo Duarte
CR7 subiu sozinho para cabecear e ampliar o placar para Portugal

Não deu nem tempo de Andorra respirar. Logo no primeiro minuto de jogo, após cobrança de escanteio, Josep Gomes rebateu nos pés de Cristiano Ronaldo, que se levantou de uma disputa com o zagueiro e, da marca do pênalti, pegou de primeira de perna esquerda, no cantinho, sem chances para o goleiro.

Dois minutos depois, aos 3min, o craque do Real Madrid voltou a brilhar. Dessa vez, Quaresma cruzou com estilo para Ronaldo, que se movimentou perfeitamente, fugindo da marcação dos zagueiros, para cabecear sozinho e mandar para o fundo das redes.

CANCELO AMPLIA NO 1º TEMPO
 
AFP/PATRICIA DE MELO MOREIRA
João Cancelo ampliou para Portugal na etapa inicial
 
Quando parecia que o primeiro tempo terminaria apenas com os dois gols marcados por Cristiano Ronaldo, João Cancelo apareceu para aumentar o marcador. Aos 44min, o lateral direito avançou com liberdade até dentro da área e aproveitou um vacilo do goleiro, que tentou fechar o cruzamento, para bater entre o arqueiro e a trave para ampliar.
 
C. RONALDO ALCANÇA RECORDE
 
AFP/PATRICIA DE MELO MOREIRA
Cristiano Ronaldo pela primeira vez faz quatro gols em uma partida por Portugal
 
Assim como no primeiro tempo, Cristiano Ronaldo voltou mortal para a etapa final. Com apenas 2min de jogo, André Gomes cruzou rasteiro e o camisa 7 acertou um chute forte, de primeira, sem chance para Gomes. Aos 23min, mais uma vez ele. Desta vez, José Fonte escorou de cabeça para o meio da área e, de esquerda, marcou o quinto da seleção. Essa foi a primeira fez que o craque do Real Madrid anotou quatro gols em um mesmo jogo por Portugal. Com a marca, ele chega a marca de 65 gols com a camisa da equipe, maior artilheiro disparado da história. Luis Figo, segundo colocado, tem apenas 32.
 
ANDRÉ SILVA FECHA O PLACAR
 
Aos 40min da etapa final, Quaresma cobrou falta direto para o gol, e Gomes defendeu de forma parcial. André Silva, então, teve sorte para ficar com o rebote e ver a bola desviar na zaga para morrer no fundo do gol, dando números finais ao marcador.
 
EXPULSÕES FACILITAM PARA PORTUGAL
 
Andorra já não passava do meio de campo com 11 homens em campo, com nove então, sem condições. Aos 15min do segundo tempo, quando o placar já marcava 4 a 0 para Portugal, Jordi Rubio recebeu o segundo cartão amarelo por uma falta por trás de Cristiano Ronaldo e foi para o chuveiro mais cedo. Aos 24min, CR7 sofreu mais uma entrada violenta e, dessa vez, Marc Rebés foi expulso diretamente.
 
GOLEIRO E TRAVESSÃO EVITAM VEXAME MAIOR
 
AP/Paulo Duarte
Josep Gomes evitou uma goleada maior de Portugal sobre Andorra
 
Apesar da vantagem, Portugal não tirou o pé do acelerador e só não aplicou uma goleada ainda maior porque Josep Gomes fez ótimas defesas. Quando o goleiro não chegou na bola, contou com a sorte do travessão para evitar um vexame inesquecível. No 1º tempo, José Fonte e André Gomes tiveram chances claras, mas o primeiro parou no reflexo do camisa 1, e o segundo no poste. Na etapa final, André Silva e Quaresma tiveram outras oportunidades de gol, mas o arqueiro novamente evitou com grandes intervenções.
 
FICHA TÉCNICA
PORTUGAL 6 X 0 ANDORRA
 
Data: 7 de outubro de 2016, sexta-feira
Local: Estádio Municipal Aveiro, Portugal
Horário: 15h45 (de Brasília)
Árbitro: Oliver Drachta (AUT)
Assistentes: Roland Brandner e Stefan Kühr (AUT)
Cartões amarelos: Pepe (Portugal); Jordi Rubio e Victor Rodríguez (Andorra)
Cartão vermelho: Jordi Rubio e Marc Rebés (Andorra)
Gols: Cristiano Ronaldo, ao 1min e 3min do 1º tempo e aos 2min e 23min do 2º tempo, João Cancelo, aos 44min do 1º tempo, André Silva, aos 40min do 2º tempo.
 
PORTUGAL: Rui Patrício; João Cancelo, Pepe (Gelson Martins), José Fonte e Raphaël Guerreiro (Antunes); João Moutinho, André Gomes (João Mário), Quaresma e Bernardo Silva; Cristiano Ronaldo e André Silva. Técnico: Fernando Santos.
 
ANDORRA: Josep Gomes; Jordi Rubio, Ildefons Lima, Marc Vales, Llovera e Marc Garcia (San Nicolás); Márcio Vieira, Marc Rebés, Victor Rodríguez e Cristian Martínez (Victor Moreira); Jordi Aláez. Técnico: Koldo Alvárez.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos