Renato rebaixa promessa do Grêmio para time B: "Vai jogar e apanhar"

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Lincoln desceu para o time de transição, onde irá seguir buscando crescimento

    Lincoln desceu para o time de transição, onde irá seguir buscando crescimento

Promessa do Grêmio que Felipão queria usar com apenas 15 anos no profissional. Considerado um dos jovens mais promissores do mundo. Repetidamente convocado para seleções brasileiras de base, sempre acima de sua idade. Lincoln não convenceu Renato Gaúcho. Tanto que o treinador relegou o jovem meia para o time de transição. Segundo o ex-camisa 7, lá ele irá jogar, apanhar e aprender para voltar melhor preparado ao principal. 

"O Lincoln tem um futuro muito grande. Quando eu cheguei no Grêmio, era aproveitado em alguns treinos, pegava experiência e descia de novo para a base. O Lincoln jogando lá, tem que pegar ritmo, experiência. Tem que saber apanhar, no bom sentido. Não adianta pegar um jogador com 17 anos, deixar cinco meses sem jogar e depois colocá-lo no meio de uma partida. Ele vai pisar na bola. Então, a direção aceitou o que eu pedi. Vai jogar lá embaixo, apanhar e depois vai subir aos poucos", disse o treinador. 
 
A decisão do técnico frustra o projeto do armador. No começo do ano ele afirmou que o desejo para 2016 era se tornar uma peça importante no elenco, mesmo sem ser titular, entrar na maioria das partidas como alternativa. Não aconteceu. Mesmo que no primeiro semestre ele tenha dado indícios de estar totalmente pronto, brilhando no Gauchão e marcando gol decisivo para classificação gremista na Libertadores, fora de casa, contra o San Lorenzo. 
 
No Brasileiro o jogador perdeu espaço já com Roger Machado após ser expulso em um jogo quando havia acabado de entrar na partida. Ficou seis minutos em campo, apenas. Além disso, passou por problemas particulares e acabou rendendo aquém do pretendido em treinamentos. 
 
Recentemente esteve lesionado, mas já tem totais condições de jogo. Mesmo assim disputará a Super Copa Gaúcha com o time de transição em vez de ser alternativa no elenco de cima. 
 
O caminho inverso fez o sul-africano Ty Sandows. Até então ele não havia ficado sequer no banco de reservas do principal, e atuava regularmente no transição. Mas desde a chegada de Renato, virou opção no time de cima e até já esteve em campo por alguns minutos. 
 
Quer receber notícias do Grêmio de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.
 

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos