Dudu admite momento difícil e ansiedade no Palmeiras: "Temos que controlar"

Do UOL, em São Paulo

  • Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação

    Dudu quer tranquilidade na reta final do Campeonato Brasileiro

    Dudu quer tranquilidade na reta final do Campeonato Brasileiro

Apesar da liderança isolada e apenas uma derrota nos últimos 15 jogos do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras claramente não vive seu melhor momento na temporada. Mesmo sendo dono do melhor ataque da competição, o setor ofensivo alviverde vem tendo problemas nas últimas rodadas, muito por conta de uma queda de rendimento de Dudu e Gabriel Jesus. O camisa 7, capitão palmeirense, admite um momento complicado dos homens de frente, mas pede tranquilidade para controlar a ansiedade e seguir em busca do objetivo maior: ser campeão.

"Todos passam por momento difícil. Eu mesmo tive alguns momentos na reserva. Temos de procurar assimilar isso muito rápido para fazer um bom futebol na próxima rodada, como a gente vinha fazendo. Esperamos fazer um bom jogo e ajudar o Palmeiras a conquistar os três pontos contra o Internacional", disse Dudu em entrevista coletiva nesta quinta-feira.

Dudu, no entanto, evitou criticar o desempenho de Gabriel Jesus, um dos principais jogadores do Palmeiras, mas que não balança as redes há oito jogos. "Ele evoluiu e cresceu muito de três meses para cá. A marcação ia começar a ser mais dura mesmo... Mas ele está tranquilo, a gente conversa bastante com ele. Sobre a questão de não fazer gol, todo atacante um dia vai passar por isso, é normal. Espero que ele possa continuar nos ajudando como ele tem feito por todo ano", acrescentou.

Dudu aproveitou para elogiar a postura da torcida nesta reta final de Brasileirão – que mais uma vez lotará o Allianz Parque –, mas pede que a equipe controle a ansiedade para ter um bom desempenho contra o Internacional, no próximo domingo, às 17h (de Brasília).

"Sempre fico ansioso para jogar. Ainda mais jogando no nosso estádio, diante da nossa torcida. Temos que controlar para jogar leve, tranquilo, como a gente vem fazendo no nosso estádio. Normalmente, estamos tendo paciência para tocar a bola e esperar o momento certo de atacar. A equipe vem jogando bem. A torcida esgotou os ingressos, esperamos apoio máximo da nossa torcida", completou.

O Palmeiras, mais uma vez, jogará após seus principais rivais na próxima rodada. Enquanto Flamengo e Santos jogam no sábado, contra Botafogo e Ponte Preta, respectivamente, o líder do Brasileiro entra em campo apenas no domingo. Para Dudu, isso não faz diferença.
 
"Não entramos relaxados, entramos com a convicção de ganhar o jogo (contra o Santos). Se a gente ganha sábado, poderia ser campeão praticamente. É difícil jogar na Vila. Infelizmente, não conseguimos o gol, eles conseguiram. É ter tranquilidade para fazer um bom jogo contra o Inter", alegou.
 
Quer receber notícias do Palmeiras de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos