Fifa desmente Bolívia e mantém perda de pontos da seleção nas Eliminatórias

Do UOL, em São Paulo*

A Fifa desmentiu nas redes sociais, na tarde desta quinta-feira (03), a informação de que a Bolívia havia recuperado os pontos perdidos pela escalação considerada irregular de Nelson Cabrera em dois jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, a ser disputada na Rússia. 

Rolando Lopez, presidente da Confederação Boliviana de Futebol, em entrevista à imprensa pouco mais cedo, havia dado a notícia incorreta da reversão da punição. 

O jornal boliviano La Razon até publicou o que seria uma carta da Fifa admitindo o erro com relação aos pontos retirados da Bolívia. "Nos demos conta de que erramos em documentos enviados à Federação Boliviana no dia 1 de novembro de 2016 referente aos recursos legais. Em vista do documento anterior com a aplicação do artigo 104, pedimos que desconsiderem o conteúdo das decisões do dia 1 de novembro. Agradecemos a compreensão". 

A punição decretada, portanto, está mantida: os bolivianos foram considerados derrotados por 3 a 0 nos dois duelos e perderam quatro dos oito pontos conquistados nas Eliminatórias. Em campo, os resultados das partidas foram vitória por 2 a 0 sobre o Peru e um empate sem gols com o Chile. 

A sanção à Bolívia afeta diretamente a classificação, principalmente pelos dois pontos a mais somados pelo Chile, que chegou a 16, assumiu a quinta colocação e tirou a Argentina da zona de classificação para a Copa do Mundo. O Peru, com mais três pontos, foi a 11 e manteve sua oitava posição, agora a apenas cinco do grupo que garante vaga no Mundial.  

*com informações da AFP

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos