Goleiro da Coreia do Norte é suspenso por entregar gol e manipular duelos

Do UOL, em São Paulo

A Confederação Asiática de Futebol (AFC) anunciou nesta sexta-feira a decisão afastar de competições o goleiro Jang Paek Ho, da seleção sub-16 de seu país. A acusação: manipulação de resultados.

Jang era titular da Coreia do Norte no Campeonato Asiático sub-16 de 2016, disputado na Índia. No torneio, sua equipe enfrentou o Uzbequistão na terceira rodada da primeira fase, em duelo de duas equipes que disputariam entre si a liderança do Grupo D.

No jogo em questão, disputado em 23 de setembro, o goleiro Jasurbek Umrzakov, da seleção do Uzbequistão, repôs uma bola com um chutão aos 4 min do segundo tempo. Com a bola na defesa, Jang Paek Ho saiu de sua área para tentar afastar a bola de cabeça e furou; na tentativa de recuperação, tropeçou e não conseguiu chegar a tempo.

O Uzbequistão venceu a partida por 3 a 1, com todos os gols marcados no segundo tempo. Assim, terminou a primeira fase como líder do Grupo D (9 pontos), enquanto a Coreia do Norte ficou com o segundo lugar (6 pontos). As duas equipes avançaram às quartas de final

Acontece que, segundo a AFC, a lambança foi intencional, de forma a dar aos norte-coreanos um chaveamento mais fácil na sequência da competição. Líder do grupo, o Uzbequistão pegou o Iraque nas quartas de final e foi eliminado com uma derrota por 2 a 0. A Coreia do Norte, por sua vez, pegou o Omã e avançou ao empatar por 1 a 1 – nos pênaltis, vitória por 4 a 2.

Os norte-coreanos só caíram nas semifinais diante do Irã: novo empate em 1 a 1, com 6 a 5 nos pênaltis. O Iraque acabou campeão, batendo o Irã nos pênaltis (4 a 3) após empate sem gols no tempo regulamentar.

A AFC considerou Jang Paek Ho de "conceder deliberadamente um gol" e o afastou das competições oficiais por um ano. O jogador ainda foi multado em pouco mais de R$ 3,2 mil. O técnico da seleção norte-coreana, Yung Jong Su, também foi penalizado com uma multa de R$ 16,1 mil.

A AFC ainda puniu a Associação de Futebol da República Popular Democrática da Coreia (PRKFA) em pouco menos de R$ 65 mil. Além disso, a entidade continental ainda ameaçou suspender a Coreia do Norte do Campeonato Asiático sub-19 de 2018 em caso de "comportamento semelhante" durante o torneio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos