Colômbia empata sem gols com o Chile no retorno de Falcao García

Do UOL, em São Paulo

A Colômbia desperdiçou a chance de pressionar Brasil e Uruguai nas eliminatórias sul-americanas para a Copa 2018. Nesta quinta-feira, o time empatou sem gols com o Chile no estádio Metropolitano, em Barranquilla, em partida que abriu a 11ª rodada do torneio e marcou o retorno de Falcao García à equipe nacional.

Com o resultado, o Chile abriu um ponto em relação à Argentina, que perdeu para o Brasil fora de casa, na noite desta quinta-feira. O time se mantém em quinto lugar, com 17 pontos. Já a Colômbia, que soma 18 pontos, ganhou uma posição e chegou ao terceiro lugar.
 
Luis Acosta/AFP
Falcao voltou à seleção colombiana
 
A seleção chilena quase abriu o placar logo no começo do jogo, com Vidal, que bateu de primeira e mandou a bola rente à trave. O Chile voltou a assustar a Colômbia aos 11 minutos, depois de um cruzamento rasteiro na área. O zagueiro Murillo, porém, conseguiu afastar o perigo.
 
Aos 34, Murillo obrigou Bravo a fazer grande defesa após uma conclusão de cabeçada. O goleiro chileno voltou a brilhar ao evitar o gol de Borja em defesa à queima-roupa.
 
No intervalo, o técnico José Pekerman promoveu a entrada de Falcao García, que entrou no lugar de Borja. Com mais posse de bola e atuando sob os olhares de seus torcedores, a Colômbia encontrou dificuldades em chegar à área chilena no segundo tempo.
 
Já o Chile, mesmo com a saída de Bravo aos 19 minutos - o goleiro deixou o campo com dores na perna, conseguiu neutralizar as principais jogadas de meio-campo do time colombiano, executadas por James Rodríguez.
 
Aos 33, Fuenzalida perdeu a melhor chance chilena no jogo. O atacante invadiu a área e bateu cruzado para fora. Na sequência, o zagueiro palmeirense Mina também deixou o gramado com dores.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos