Torcida ignora grito de "bicha" no Mineirão e salva CBF de nova punição

Pedro Ivo Almeida e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

Além da boa vitória sobre a Argentina, a CBF tem outro motivo para comemorar após o jogo desta quinta-feira (10), no Mineirão, pela sequência das Eliminatórias da Copa do Mundo 2018. Após problemas em Manaus e Natal, a torcida brasileira não apelou para os gritos de "bicha" durante as cobranças de tiro de meta da equipe adversária e evitou novas punições da Fifa à confederação.

Após os cânticos homofóbicos nas partidas contra Colômbia e Bolívia, em Manaus e Natal, respectivamente, a CBF foi multada pela Fifa em quase R$ 150 mil e ainda recebeu advertências da Federação Internacional. Caso o problema se repetisse em Belo Horizonte, as sanções poderiam ser ainda maiores.

Dirigentes da confederação não escondiam o medo pelas novas punições e temiam até possíveis perdas de mando de campo nas Eliminatórias em função dos erros repetidos.

Pedidos no telão

A CBF fez sua parte. Durante mais de duas horas, antes de a bola rolar, uma mensagem pedindo respeito entre os povos era repetida à exaustão nos telões do Mineirão.

"Atenção, torcedor brasileiro. Vamos celebrar o respeito entre os povos. Nesta noite, os argentinos são apenas os nossos adversários. Vamos respeitar os jogadores e todos os membros da comissão técnica. Qualquer atitude de falta de respeito pode prejudicar a seleção brasileira nas eliminatórias. O futebol é a nossa maior paixão e combina com festa, alegria e respeito ao adversário. Somos iguais, somos todos futebol", dizia o texto.

Após o jogo contra a Argentina nesta quinta, o Brasil ainda faz mais três jogos em casa no caminho em busca da vaga para a Copa de 2018: Paraguai, Equador e Chile, em março, agosto e outubro de 2017, respectivamente. Além da expectativa pelo lugar garantido no Mundial, a CBF espera não ter que perder a chance de atuar em casa nas três oportunidades.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos