Goleiro que perdeu voo da seleção isenta Vitória e pede desculpas à CBF

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Facebook do Vitória

    Caíque, goleiro do Vitória, mostra a medalha de campeão baiano de 2016

    Caíque, goleiro do Vitória, mostra a medalha de campeão baiano de 2016

O goleiro Caíque Santos, do Vitória, pediu desculpas à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) depois de despachar o passaporte junto com as malas, ser barrado na conexão do voo em São Paulo e assim virar desfalque para dois amistosos que a seleção brasileira sub-20 fará contra o México, um nesta sexta-feira e outro no próximo domingo.

Os jogos valem como preparação para o Sul-Americano da categoria, que acontece em 2017, no Equador. E apesar do contratempo, o goleiro espera estar na convocação: "Peço desculpas à CBF. Quero ser convocado para o Sul-Americano. Vou fazer de tudo nessa partida contra o Santos [pelo Vitória] para mostrar que tenho condição de voltar no Sul-Americano".

Caíque ainda aproveitou para assumir a responsabilidade pelo ocorrido e isentar o Vitória de qualquer culpa no caso. "Vou deixar bem claro. Vitória não teve nada disso. Estão dizendo que o Vitória interferiu na minha ida. Não teve nada disso. O Vitória quis que eu fosse sim para eu ganhar ritmo de jogo. O último jogo meu foi, se eu não engano, contra o Flamengo. Queria que eu fosse para eu voltar no dia 15 e jogar no dia 17", garante o jogador.

"O que aconteceu foi que na minha ida de Salvador para são Paulo coloquei o passaporte no bolso da calça. No voo, eu senti que ia cair e coloquei na mala. Encontrei com um grupo que estava lá em São Paulo. Chegando lá, despachei minha nécessaire e, nisso, meu passaporte estava dentro da mala", acrescenta o goleiro, que lamentou demais a situação.

"Fiquei triste demais quando soube que não ia viajar. Isso é um sonho. Eu comecei, conquistei o meu espaço no clube e na seleção e jamais vou querer fazer uma coisa que me prejudique na carreira. Ainda mais na seleção brasileira que, para chegar lá, é difícil. Para se manter ainda é mais difícil. Foi um pequeno deslize meu, falta de atenção", completou.

Com Fernando Miguel suspenso, Caíque será o titular do Vitória no jogo da próxima quinta-feira, dia 17, contra o Santos, na Vila Belmiro, às 19h30 (de Brasília), pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos