Guardiola nega proibir sexo a atletas: 'Quanto mais fizerem, melhor serão'

Do UOL, em São Paulo

  • Oli Scarff/AFP Photo

    Nasri (na foto) havia dito que treinador controlava vida sexual dos jogadores

    Nasri (na foto) havia dito que treinador controlava vida sexual dos jogadores

Pep Guardiola negou que controle a vida sexual dos atletas. Durante a semana, o meia Nasri, atleta do Manchester City no 1º semestre, disse que o treinador pedia para que os jogadores não tivessem relação após a meia-noite. Guardiola rebateu e se diz favorável a fazer sexo à véspera de jogo.

"É impossível jogar bem se não tem sexo com a companheira. Nunca proibirei algo assim. Quanto mais fizerem, melhores jogadores serão", declarou Guardiola.

Ao jornal As, Nasri contou sobre a suposta ordem vinda de Guardiola.

"Em uma folga, ele nos disse que quem queria ter relações sexuais deveria fazer antes da meia-noite, porque faria falta não ter uma noite de descanso. Disse que fez isso com Messi e que desde então ele parou de se lesionar. Fez também com Lewandowski", contou Nasri em entrevista ao As.

Nasri acertou com o Sevilla no fim de agosto. Dessa forma, o atleta foi comandado por Guardiola, que chegou ao Manchester City nesta temporada. O treinador espanhol também fez cobranças acerca do peso do meio-campista.

"Ele me disse que teria que ter 76 kg. Eu não pesava isso desde quando atuava no Marselle (Olympique)", afirmou Nasri.

Quer receber notícias do seu time de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos