Cruzeiro vence Riascos na Justiça e impede atleta de jogar por outro clube

Do UOL, em São Paulo

  • Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

    Atacante Riascos segue vinculado ao Cruzeiro

    Atacante Riascos segue vinculado ao Cruzeiro

O Cruzeiro anunciou nesta quinta-feira (24), em seu site oficial, que obteve decisão favorável na Justiça em caso que envolve o atacante Riascos. O atleta, que pleiteia uma quebra de contrato, está novamente proibido de se transferir para outro clube do Brasil ou do exterior.

Em setembro, o colombiano havia conseguido um mandado de segurança e um habeas corpus para exercer o direito de trabalhar por outro clube. Porém, o departamento jurídico celeste conseguiu cassar os recursos.

"Foi uma grande vitória do Cruzeiro em relação a uma quebra de contrato que está sendo pleiteada", disse o diretor jurídico do clube, Fabiano de Oliveira Costa. "O que demonstra que o poder judiciário está muito atento às incorreções e à nova aplicação da lei, ao abuso do direito de postular do atleta que não respeita contrato".

Riascos tem contrato com o Cruzeiro até janeiro de 2018, mas está afastado do elenco desde julho deste ano, quando deu declarações polêmicas após derrota para o Fluminense. Na ocasião, o atleta disse que queria voltar ao Vasco, onde jogou no primeiro semestre: "Não podem tirar minha felicidade para vir jogar nesta m... aqui".

No processo contra o Cruzeiro, além da quebra de contrato, Riascos pede uma indenização de R$ 5 milhões. O mérito da ação deve ser julgado em maio de 2017.

Quer receber notícias do Cruzeiro de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos