Suárez escreve carta emocionante para Gerrard, 'um irmão mais velho'

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS/Phil Noble

    Suárez e Gerrard foram companheiros de Liverpool entre 2011 e 2014

    Suárez e Gerrard foram companheiros de Liverpool entre 2011 e 2014

O anuncio da aposentadoria de Steven Gerrard segue motivando homenagens e despedidas no mundo da bola. Hoje no Barcelona, Luis Suárez escreveu uma carta emocionante para o seu ex-companheiro de Liverpool.

Na carta, publicada em sua conta no Twitter, Suárez compara Gerrard a um irmão mais velho e revela a importância do inglês nos momentos mais difíceis da vida.

"Steven, muito obrigado por tudo. Por estar comigo nos momentos mais difíceis da minha carreira, por me apoiar incondicionalmente e me dar tantos conselhos. Nossa relação vai muito além dos terrenos de jogo. Sempre esteve ao meu lado, inclusive quando muitos se distanciavam", diz Suárez.

"Você me fez repensar muitas vezes, compartilhamos muitas conversas e sempre tentou me ensinar ... como um irmão mais velho ensina seu irmão mais novo", acrescenta o atacante uruguaio.

Suárez também não esqueceu das qualidades de Gerrard entre as quatro linhas.

"Cheguei ao Liverpool, de um clube histórico para outro. E entre meus companheiros, Steven Gerrard. Uma referência no clube, na Premiere League e fora dela. Um destruidor de espaços, um goleador, um finalizador, um passador. Um jogador único", conta.

"À medida que passavam as semanas Steven foi mostrando-se esse líder que é. Vencedor e ambicioso nos gramados, mas também um companheiro muito próximo e constante. Alguém que me apoiava, sempre, e que me ajudava tirando o melhor de mim", continua Suárez.

Suárez titulou sua carta a Gerrard de "A um capitão, a um companheiro, a um amigo". Após poucas horas de publicada, com versões em inglês e espanhol, a homagem já contava com milhares de compartilhamentos. 

"Vivemos muitos momentos juntos e lutamos para fazer grandes coisas pelo clube que defendíamos, e isso sempre estará gravado dentro de mim", finaliza.

Eles foram companheiros no Liverpool entre 2011 e 2014, período no qual Suárez marcou 69 gols em 110 jogos, mas também gerou algumas polêmicas por seu temperamento intempestivo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos