Corinthians completa 20 dias com salários atrasados; Oswaldo não recebeu

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians

O Corinthians chegou a estimar que pagaria salários atrasados na segunda-feira, mas fecha a semana sem conseguir colocar as pendências com alguns atletas em dia. São 20 dias de pagamentos vencidos no clube, cujos jogadores enfrentam o Atlético-PR no sábado, provavelmente, com a questão ainda em aberto. 

Mesmo nesta sexta, a direção do clube estava empenhada em resolver a questão, mas alega depender de recursos enviados por terceiros para quitar os pagamentos. O chamado 'descompasso no fluxo de caixa', como definiu o diretor financeiro Emerson Piovesan, foi causado por atrasos do Porto-POR na compra do zagueiro Felipe e por três patrocinadores que não honraram o combinado em dia. 

Entre aqueles com salários atrasados, inclusive, está o recentemente contratado Oswaldo de Oliveira. Questionado se também tinha pagamentos atrasados, o treinador confirmou. Por outro lado, frisou o compromisso do elenco, independente da situação. O próprio presidente Roberto de Andrade, nos últimos dias, procurou o grupo de atletas para prestar explicações. 

"Depende muito de circunstâncias. Já passei algumas vezes por isso, sem problema nenhum. O mais importante é a manutenção de ambiente. Os jogadores não passam sensações sobre isso. Trabalharam com empenho, com uma atenção grande e isso nos dá perspectiva", comentou Oswaldo.

A folha de pagamento do Corinthians é de aproximadamente R$ 10 milhões. 

Quer receber notícias do Corinthians de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos