Merecem chance? Veja sete jogadores que voltam ao Grêmio após empréstimo

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Gilvan de Souza/ Flamengo

    Fernandinho é um dos jogadores que volta de empréstimo ao Grêmio

    Fernandinho é um dos jogadores que volta de empréstimo ao Grêmio

Fim de temporada é hora, sempre, de pensar no elenco do ano que vem. Mesmo disputando a final da Copa do Brasil e sem se manifestar publicamente sobre qualquer ação visando 2017, o Grêmio já deu início a este processo. Um dos pontos importantes para Renato Gaúcho, que negocia renovação, será a avaliação dos jogadores emprestados. 

Sete que já fizeram parte do elenco principal retornam. Nomes que vão desde salários altos, como Fernandinho, até promessas que não vingaram no clube como Rondinelly e Maxi Rodríguez. 
 
Confira a situação destes atletas e avalie se eles merecem melhor aproveitamento no Tricolor ou não. 
 

Fernandinho, 30 anos, Flamengo (vínculo com Grêmio até 31 de dezembro de 2017)

Jéssica Santana/Framephoto
O Flamengo já decidiu-se por ficar com Fernandinho. Por enquanto, busca alternativas junto ao Grêmio para concluir o negócio. Na reta final do Brasileiro, o jogador tem sido titular do rubro-negro e a ideia é aproveitar um valor ainda devido pelos gaúchos na compra de Wallace Reis. Caso a negociação não avance, Renato Gaúcho já mostrou interesse no retorno dele e no aproveitamento no elenco principal. Pesa contra o atacante o alto salário recebido: R$ 350 mil por mês. 
 

Kadu, 30 anos, Ponte Preta (vínculo com Grêmio até 31 de dezembro de 2017)

Divulgação/Ponte Preta
Kadu encerrou a temporada lesionado, mas foi titular da Ponte Preta. Em Campinas, já manifestou o interesse de permanecer na Macaca. E o Grêmio não deve ser empecilho. O mau desempenho no começo do ano prejudicou a imagem do jogador ex-Atlético-PR e seu retorno é pouco provável. Caso não seja formalizada proposta de compra, a direção gremista pode ampliar o período emprestado. 
 

Lucas Coelho, 22 anos, Avaí (vínculo com Grêmio até 31 de janeiro de 2018)

O centroavante disputou 20 partidas e marcou 5 gols pelo time que subiu para a primeira divisão nacional. O problema é que ele sofreu com lesões. Teve uma contusão no ombro, perdeu algumas partidas e desde novembro está em tratamento em Porto Alegre por causa de um estiramento nos ligamentos do joelho. Mesmo com a sequência de partidas, os problemas clínicos deixam o futuro incerto. 
 

Maxi Rodríguez, 25 anos, Peñarol (vínculo com Grêmio até junho de 2017)

Lucas Uebel/Divulgação Grêmio
A exemplo de Coelho, Maxi também sofreu com lesões. Voltou ao Grêmio para uma cirurgia no joelho e não conseguiu completar a temporada da melhor forma no Peñarol. Enquanto esteve por lá, foi titular do time e manteve regularidade de atuação. Tem o projeto de permanecer fora do Brasil. No Grêmio, não teve boa experiência com o técnico Renato Gaúcho, que o deixava fora do time em 2013. Com apenas mais seis meses de contrato, deve ser negociado novamente. 
 

Júnior, 20 anos, São Paulo (vínculo com Grêmio até 31 de dezembro de 2017)

Renata Lutfi/saopaulofc.net
Fora dos planos no Grêmio, Júnior foi emprestado ao São Paulo para atuar nas categorias de base. Por lá, a qualidade já conhecida em Porto Alegre foi vista novamente. Foi um dos principais destaques do time de baixo no tricolor paulista, que já planeja efetuar a cláusula de compra em seu contrato. 
 

Rondinelly, 25 anos, Londrina (vínculo com Grêmio até maio de 2017)

Tiago Ferreira/Divulgação/Macaé
Emprestado ao Londrina, Rondinelly foi importante na Série B do time paranaense. Titular, conseguiu sequência de partidas e se depender da direção do clube permanecerá por lá. Foram 19 partidas pela equipe, que termina a competição bem perto da linha de classificação para Série A. No Grêmio, caso retorne, não será aproveitado. 
 

Yuri Mamute, 21 anos, Náutico (vínculo com Grêmio até 31 de dezembro de 2018)

Divulgação/Panathinaikos
Lançado por Renato Gaúcho em 2010 quando tinha apenas 17 anos, Yuri Mamute tem boas chances de ser aproveitado na próxima temporada pelo Grêmio. O robusto atacante teve alguns problemas de lesão no Náutico e disputou apenas 11 partidas na Série B, e não marcou gols. O Timbu tem chance de subir para a primeira divisão e ainda não se manifestou sobre a possibilidade de seguir com ele. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos