Candidato da situação, Abad vence com folga e é novo presidente do Flu

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

Pedro Abad é o novo presidente do Fluminense. O candidato da situação, que contou com o apoio de Peter Siemsen e do vice-presidente de projetos especiais Pedro Antônio, não teve muita dificuldade para bater os concorrentes Mário Bittencourt e Celso Barros. Dos 12,6 mil sócios aptos para o pleito, apenas 4, 3 mil exerceram o direito. O vencedor recebeu 2.134 sufrágios, contra 1.442 de Bittencourt e 651 de Barros.

Isso representa uma votação expressiva e que garante 135 das 150 cadeiras do conselho deliberativo móvel do clube. O chamado 'capote' também já havia ocorrido na reeleição de Peter Siemsen, em 2013.

"Quero agradecer a todos os sócios que depositaram a confiança em mim. Tive mais da metade dos votos. Quero agradecer a minha esposa Daniela. Agradecer também ao Mário e o Celso pela competição dura. É um dia de felicidade, mas também um dia de grande responsabilidade. Amanhã é pé na tábua, aqui não tem tempo ruim", disse Pedro Abad.

"Cacá e eu queremos fazer um futebol diferente. Uma gestão profissional. o "

Por volta de 14h, já havia uma projeção da vitória de Pedro Abad. Nesse ponto, Mário Bittencourt tentou uma cartada final para vencer e propôs aliança com Celso Barros, que recusou. Assim, os concorrentes acabaram dividindo os votos que poderiam mudar o rumo das eleições.

Abad tem como objetivo dar sequência à gestão de Peter Siemsen, mas com algumas mudanças. A maior delas promete ser no futebol. O novo mandatário já negocia com Roger Machado e irá reformular a diretoria. Pedro Antônio pode virar vice de futebol.

Além dele, Marcelo Teixeira seria transferido para o futebol profissional para fazer a transição com a base além de cuidar do Samorin. Ao lado dele, Fernando Gonçalves chegaria para ser o diretor executivo de futebol. Todos esses coordenados por Alexandre Torres, filho de Carlos Alberto Torres, Capitão do Tri.

Com esses novos nomes, que deverão ser anunciados ao longo da semana, o atual diretor executivo Jorge Macedo será dispensado. Pedro Abad não gostou da atuação do dirigente e preferiu total reformulação no setor.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos