Jogador recorda acidente de rival e o provoca: "Matou seus amigos"

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Esteban Pavez e Diego Buonanotte se estranharam na Copa do Chile

    Esteban Pavez e Diego Buonanotte se estranharam na Copa do Chile

Esteban Pavez e Diego Buonanotte protagonizaram momentos de tensão na última quinta-feira, quando o Colo Colo venceu a Universidad Católica pela primeira semifinal da Copa do Chile. Segundo informações de uma rádio chilena, o meio-campista argentino atacou o rival compatriota por um acidente de trânsito de anos atrás, o chamando de assassino.

Buonanotte sofreu um acidente de trânsito em dezembro de 2009, quando tinha 21 anos e dirigia o carro de seu pai. Na época, era considerado um dos jogadores mais promissores do River Plate. Ele voltava de uma boate com mais três amigos quando, sob forte chuva, perdeu o controle do carro na estrada e bateu em uma árvore. O jogador sofreu uma fratura na clavícula, mas seus três companheiros morreram no local.

Buonanotte sofreu com uma depressão e passou por um longo período de recuperação, onde ele declarou publicamente: "Nunca mais serei a mesma pessoa de antes. Lembro daquilo todos os dias. Em cada coisa que eu fizer, eles vão estar na minha memória. Por que de quatro, se foram três e eu me salvei? Seria lindo poder voltar no tempo. No entanto, hoje tenho dois filhos maravilhosos, essa foi a noite em que conheci minha mulher".

Na época, a Justiça determinou que Buonanotte não agiu de forma imprudente ou negligente no acidente, já que a visibilidade na quase zero devido à chuca forte que atingia a estradar. O argentino ainda possui o nome dos três amigos tatuado em seu corpo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos