Aviões da FAB ajudarão em resgate de brasileiros de voo da Chapecoense

Do UOL, em São Paulo

O Ministério da Defesa e o Comando da Aeronáutica informaram na tarde desta terça-feira que dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) estão à disposição para auxiliar no resgate e traslado dos brasileiros vítimas do acidente com o avião da delegação da Chapecoense.

Segundo o governo, duas aeronaves C-130 Hércules da FAB poderão ser usados após a tragédia ocorrida na Colômbia na madrugada desta terça. Mais dois aviões foram disponibilizados para transportar familiares e equipes de militares.

O secretário geral da CBF, Walter Feldmann ressaltou também que o momento é de facilitar ao máximo a chegada de familiares à Colômbia. "Vamos ter que fazer um evento de adiamento das férias dos jogadores. Necessito de apoio e compreensão de todos. Nesse momento tem uma equipe da CBF indo para Chapecó para receber os familiares, dos jornalistas também. Também vamos para Colômbia para apoiar na identificação dos corpos para que eles sejam trazidos logo ao brasil para homenagens. O próprio presidente Michel Temer colocou à disposição aviões da FAB para voltar ao Brasil para homenagens", disse Feldmann. 

"Nesse momento estamos absolutamente. Estamos direcionados aos familiares. Só nos coube adiar os eventos e não falar dos jogos e dos títulos. Isso vamos fazer nos próximos dias. Nesse momento vamos focar apenas no momento doloroso que estamos vivendo. Conversamos com a Gol e um corpo de psicólogos estão indo para Chapecó e dará todo apoio. Vamos transportar esses familiares para a Colômbia para facilitar na identificação para que isso seja o mais breve possível", explicou o secretário geral da CBF. 

O acidente aéreo causou 71 mortes, entre jogadores, integrantes da comissão técnica, dirigentes, jornalistas e tripulantes. Seis pessoas sobreviveram à tragédia: o lateral esquerdo Alan Ruschel, o zagueiro Neto e o goleiro Follmann. 

O goleiro Danilo foi outro jogador da Chapecoense encontrado vivo nos destroços. Porém, há informações desencontradas sobre o seu estado. Inicialmente, a Cruz Vermelha colombiana divulgou que o jogador não havia resistido aos ferimentos e falecido no hospital. Posteriormente, a entidade voltou atrás e recolocou o atleta entre os feridos que seguem sob cuidados médicos.
 
Também foram resgatados com vida o jornalista Rafael Henzel e a comissária de bordo Ximena Suarez. As autoridades colombianas chegaram a divulgar que apenas cinco pessoas foram encontradas com vida pelos bombeiros, mas posteriormente o zagueiro Neto foi incluído na relação.

Veja a nota na íntegra

O Ministério da Defesa e o Comando da Aeronáutica lamentam o acidente ocorrido nesta terça-feira (29/11) com a aeronave de matrícula CP2933, da empresa LaMia, que conduzia a delegação da Associação Chapecoense de Futebol, jornalistas brasileiros e cidadãos de Chapecó, no trecho Santa Cruz de La Sierra – Medellín.
 
Informamos que duas aeronaves C-130 Hércules da Força Aérea Brasileira (FAB) e uma equipe de profissionais especializados em resgate, do Esquadrão Aeroterrestre de Salvamento (PARA-SAR), estão de prontidão para auxiliar no resgate e traslado dos brasileiros vítimas do acidente. Também foram disponibilizadas duas aeronaves para transportar familiares das vítimas e equipes de militares.
 
Além disso, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (CENIPA) está à disposição para contribuir com a autoridade colombiana de investigação.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos