Familiares relatam dificuldades na busca por notícias de sobreviventes

Do UOL, em São Paulo

 Com informações de que o zagueiro Neto foi encontrado com vida após acidente aéreo com o elenco da Chapecoense, que ia para Medellín para a final da Copa Sul-Americana, o irmão do jogador, Carlos Zampieri, relatou a grande falta de notícias sobre o estado de saúde do irmão, sem saber até mesmo se o familiar está realmente vivo.

O irmão de Neto contou que todas as notícias que sabe até o momento são via televisão devido à dificuldade a informações pelos médicos da Colômbia.

"Estamos aqui esperando mais notícias. Até alguém soltar boletim para saber o estado dele. Consternado com a família. Estamos aqui, o que a gente sabe o que vocês", disse em entrevista ao canal Globo News. "Ele esperava muito. Você não tem noção. Acabou de ser campeão catarinense. Melhores zagueiros do campeonato. Fez Brasileiro bom. Infelizmente acontece tragédia dessa", comentou.

Na Arena Condá à espera de notícias oficiais sobre o acidente aéreo com o avião da Chapecoense, a noiva de Alan Ruschel, um dos primeiros a ser confirmado como sobrevivente da tragédia também contou que soube do ocorrido pela televisão após o noivo não ligar pela madrugada, como combinado.

"Eu combinei com o Alan para ele me ligar, é a uma hora daqui e ele não me ligou. Eu acabei pegando no sono. 3h eu acordei no susto e liguei a televisão e vi aquilo. Eu não sei de nada. Eu estou em uma bolha parece", disse Marina Storchi em entrevista ao canal Fox Sports.

Marina contou que falou pela última vez com Alan em Guarulhos, antes de o jogador embarcar rumo a Medellín, onde a Chapecoense faria o primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana, na quarta (30).

"Eu conversei com ele em Guarulhos. Assim que chegasse em terra ele iria me ligar por volta de 1 hora horário do Brasil. No início da madrugada eu vi que por um milagre ele havia sido socorrido com vida. Os médicos falaram que ele terá que fazer uma cirurgia e não falaram mais nada. O hospital não manda informações, os médicos daqui foram para lá, mas a gente não está sabendo de nada. Eu estou aqui (na Arena Condá)", contou Marina, que ainda não sabe se viajará para a Colômbia.

A noiva de Alan Ruschel contou que uma multidão está na Arena Condá para prestar solidariedade e em busca de notícias. "Eu acho que tem umas 400 pessoas...Lá fora, falaram que está lotado. Se eu puder ir para lá, eu vou para lá. O que eles acharem melhor eu vou fazer. Se eu tiver que esperar aqui, vou esperar aqui. Para ninguém caiu a ficha ainda. Parece que eu vou acordar e...acordei", completou Marina, muito emocionada.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos