Na China, Felipão se solidariza com Chape e oferece apoio após tragédia

Do UOL, em São Paulo

Luiz Felipe Scolari entrou para lista de personalidades do mundo do futebol que se solidarizam com a tragédia envolvendo a delegação da Chapecoense na madrugada da última terça-feira, quando 71 pessoas morreram após a queda de um avião na Colômbia.

"Gostaríamos de manifestar nosso apoio irrestrito aos familiares, direção, todo os atletas e sobreviventes deste trágico episódio. Dizer que nós, do Guangzhou (Evergrande), comissão técnica, atletas, dirigentes, nos colocamos à disposição da Chapecoense e das pessoas para que a gente possa também dar esse apoio não apenas com o abraço, carinho e palavra neste momento, mas também com algum gesto para fazermos da China. Abraço para todos vocês", divulgou Felipão por meio de sua assessoria de imprensa.

A reconhecimento dos corpos das 71 vítimas do acidente aéreo sofrido pela delegação da Chapecoense teve início nesta quarta-feira (30), sendo que 42 deles já foram identificados durante a manhã. De acordo com o diretor do IML colombiano, Carlos Eduardo Valdés, 12 equipes trabalham no processo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos