Real usa camisa "todos somos Chapecoense", e filho de Zidane faz seu 1º gol

Do UOL, em São Paulo

Em jogo válido pela Copa do Rei, contra o Leonesa, no Santiago Bernabéu, o Real Madrid prestou uma homenagem às vítimas do acidente ocorrido na Colômbia na madrugada da última terça-feira. Todos os jogadores do time merengue entraram em campo com a seguinte mensagem na frente da camisa: "Todos Somos Chapecoense".

Com os jogadores dos dois times perfilados no meio-campo, foi também respeitado, antes do apito inicial, um minuto de silêncio (vídeo abaixo) pelo acidente que deixou 71 mortos e seis feridos, entre jogadores da Chapecoense, membros da comissão técnica, dirigentes e jornalistas.

ÁNGEL MARTÍNEZ/Real Madrid

O duelo, iniciado às 16h (de Brasília) desta quarta-feira, era válido pela segunda fase da Copa do Rei. No jogo de ida, fora de casa, o Real Madrid havia goleado o Leonesa, time da terceira divisão do futebol espanhol, por 7 a 1. Nesta quarta, voltou a golear, por 6 a 1, gols de Mariano (3), James Rodríguez, Enzo Zidane, filho de Zidane, e César Morgado (contra). Assim, avançou para as oitavas de final do torneio.

Foi, aliás, a estreia do filho de Zidane, de 21 anos, no time profissional do Real Madrid. Ele entrou no intervalo e, logo em sua primeira finalização, após bela jogada coletiva do time merengue, bateu rasteiro da entrada da área para balançar as redes.

Assim como na primeira partida do confronto, o técnico do Real Madrid voltou a escalar uma equipe praticamente reserva, já pensando no clássico de sábado, contra o rival Barcelona, no Camp Nou, pelo Campeonato Espanhol. O único brasileiro em campo foi Casemiro, além do brasileiro naturalizado português Pepe.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos