Socorrista relata primeiro contato com Ruschel: "Onde está minha família?"

Do UOL, em São Paulo

A reação inicial de Alan Ruschel, primeiro dos resgatados da tragédia de La Unión, que vitimou 71 pessoas na queda do avião que carregava o time da Chapecoense, foi de choque. Em entrevista ao jornal "El Tiempo", o socorrista Santiago Campuzano contou como foi o contato inicial com o lateral brasileiro.

"Minha família, meus amigos... Onde estão?", perguntou o jogador a Campuzano, um dos responsáveis por salvar a vida de seis dos passageiros do avião na madrugada colombiana.

Santiago relatou que ele e cinco amigos saíram de carro de La Unión e foram os primeiros a chegar no local do acidente. "Só sabíamos que havia caído um avião com 81 pessoas. Imaginávamos o pior", declarou.

Para sua surpresa, no meio do terreno difícil das montanhas de Cerro Gordo ainda havia sobreviventes. Colocaram-no no carro e levaram o jogador a um ponto de encontro, onde o deixaram para que fosse encaminhado ao hospital.

"Estava muito assustado, mas satisfeito de ter ajudado a alguém, porque pensávamos que todos estavam mortos", lembrou o socorrista.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos