Consciente, jornalista que sobreviveu à tragédia tenta falar com a família

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Cuenta Oficial del Departamento de Policía Antioquia

O estado de saúde do jornalista Rafael Henzel apresentou mais avanços nas últimas horas. O sobrevivente da tragédia do voo da Chapecoense está consciente e tentou falar com familiares na manhã desta quinta-feira. 

 "Ele tentava falar quando viu a gente, ele não consegue falar por estar com o auxílio do oxigênio na boca. Tem alguns cortes, mas todos superficiais. São alguns, não muitos. Aqui ele está sendo muito bem tratado. As condições do hospital são boas", disse Roger Valmorbida, primo do Rafael, que esteve no Hopsital San Juan de Dios, em La Ceja, na Colômbia.
 
"Ele se emocionou e tentava falar, ele está com aparelho de respiração. A expectativa era de tirar hoje de manhã, mas vai demorar mais um pouquinho. Ele está consciente e respondendo as coisas com a cabeça "sim e não". O médico comentou que ele está reagindo bem. A lesão no tórax, trata-se de costelas que quebraram do lado esquerdo, machucou o pulmão, mas não foi nada grave. A lesão na perna, a gente tinha dúvida, era o tornozelo que ele tinha torcido há 15 dias jogando futebol, então é o mesmo tornozelo que está inchado. 
 
Resgatado com vida no acidente que matou 71 pessoas, o jornalista tem muitos ferimentos pelo corpo. "Tem uma lesão no tórax, na caixa tórax, são nas costelas flutuantes que pressiona o pulmão. Teve uma lesão pequena no pulmão", afirmou em áudio enviado à família.
 
De acordo com o tio de Rafael, Diceo Valmorbida, o jornalista de 41 anos chegou consciente ao hospital. Emocionado, Diceo disse que o fato ajudou a tranquilizar os familiares.
 
"Foi um alívio receber a notícia de que o Rafael está bem, graças a Deus como ouviram o relato do áudio, só esperamos mais confirmações hoje durante o dia depois que desentubarem ele. Na entrada do hospital ele passou o número da casa dele. Ele estava lúcido. Daí por diante ficamos mais tranquilos", frisou em entrevista ao SporTv.
 
Diceo ainda falou sobre o estado de saúde do zagueiro neto, que está internado no mesmo hospital. O atleta, ao contrário de Rafael, está sedado e tem mais ferimentos pelo corpo.
 
"O Neto está no quarto ao lado, entubado, sedado. Ele tem um corte na panturrilha esquerda que é grande, mas está isolado para não infeccionar, está instável. Ele não precisa ficar alterando a medicação. Ele está bem", disse.  

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos