Campeão da Série B, Atlético-GO deve 2 meses de salários e bicho ao elenco

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Atlético-GO/Divulgação

    Delegação do Atlético-GO celebra título da Série B, mas elenco não recebe há dois meses

    Delegação do Atlético-GO celebra título da Série B, mas elenco não recebe há dois meses

O Atlético-GO foi campeão da Série B do Campeonato Brasileiro ao vencer o Tupi-MG, em 12 de novembro, por 5 a 3, no estádio Olímpico, em Goiânia. Embora o Dragão tenha terminado o ano com um título nacional, nos bastidores, a situação não é nada boa.

O clube deve dois meses de salários aos profissionais que asseguraram a conquista da competição nacional. Nem um jogador recebeu os vencimentos referentes aos últimos 60 dias trabalhados. A premiação prometida por membros da cúpula também não foi paga ao elenco comandado por Marcelo Cabo.

Quando cobrados pelos atletas, os dirigentes goianos evitam dar um prazo para quitar a dívida. Os pedidos são feitos desde o primeiro mês de atraso e o plantel jamais recebeu um tempo determinado para o fim do débito.

A reportagem tentou estabelecer contato com Adson José Batista, diretor de futebol do Atlético-GO. O dirigente, contudo, não atendeu às ligações para se pronunciar sobre o caso.

Os atrasos salariais têm sido uma tônica no clube goiano desde 2014. O goleiro Mácio já se queixou da situação. Em outra ocasião, houve possibilidade de greve dos jogadores. O clube já denunciado ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) em setembro do ano passado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos