Chapecoense prepara velório coletivo com bandeira do Atlético Nacional

Do UOL, em Chapecó (SC)

Bruno Freitas, Danilo Lavieri, Felipe Vita e Luiza Oliveira

  • Luiza Oliveira/UOL

    Gramado da Arena Condá é preparado para o velório das vítimas do desastre aéreo

    Gramado da Arena Condá é preparado para o velório das vítimas do desastre aéreo

A Chapecoense iniciou a montagem do velório coletivo no gramado da Arena Condá. O clube colocou no gramado uma bandeira do Atlético Nacional e encomendou cerca de 500 vasos de flores.

No fim da tarde desta sexta-feira, funcionários do clube e voluntários estenderam no gramado duas bandeiras pretas em sinal de luto da Chapecoense e do Atlético Nacional, time que seria o adversário dos catarinenses na final da Copa Sul-Americana.

No meio do gramado, ainda foi colocada uma bandeira verde da Chapecoense rodeado por centenas de vasos de margaridas.

A estrutura onde os corpos serão velados também já está pronta. Foi colocada uma tenda em cima de uma espécie de deck onde os caixões ficarão enfileirados. Ao lado, estão sendo colocadas diversos puffs e cadeiras para os familiares e amigos.

Luiza Oliveira/UOL

O cercado onde os profissionais de imprensa ficarão instalados também já está montado em cima da linha do meio de campo. Os jornalistas não terão acesso à área do velório.

Os testes de som foram realizados ao longo da tarde, inclusive com execução de música fúnebre ao som de um violino.

A expectativa é que 51 corpos serão velados na Arena Condé entre atletas, comissão técnica e diretoria da Chapecoense, além de jornalistas da região que estavam no voo que sofreu o acidente na Colômbia. A chegada dos corpos na cidade deve acontecer na manhã deste sábado. A expectativa é que o velório deve começar no fim da manhã.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos