Torcida da Inter esvazia arquibancada em protesto na Liga Europa

Do UOL, em São Paulo

  • Marco Tacca/Getty Images

A torcida da Inter de Milão perdeu a paciência com o time após quatro derrotas em cinco jogos na Liga Europa. O grupo de torcedores organizados mais famoso da equipe, a Curva Nord, se ausentou da partida de quinta-feira (8) da competição europeia,  da qual o clube já estava eliminado.

Vazia, a arquibancada atrás de um dos gols do Giuseppe Meazza exibia apenas uma faixa de protesto contra a equipe milanesa, que encarou e venceu o Sparta Praga por 2 a 1 na última rodada do Grupo K, que teve como classificados o Hapoel Beer Sheva e os tchecos, líderes da chave.

O brasileiro Eder, naturalizado italiano, foi o autor dos dois gols do time da casa, que encerrou sua participação na lanterna com seis pontos, dois a menos que o Southampton, terceiro colocado. Gabigol, que tem tido dificuldades de ganhar espaço no futebol italiano, sequer ficou no banco de reservas.

No Campeonato Italiano, a situação da Inter também não é das melhores. Décima colocada, a equipe está a 15 da líder Juventus em uma temporada que começou com ambições de título. Nos últimos cinco jogos do torneio, a Inter venceu dois, perdeu dois e empatou outro. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos