Follmann chega ao Brasil na madrugada de terça-feira, diz médico

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Goleiro teve que amputar parte da perna direita por conta de acidente aéreo

    Goleiro teve que amputar parte da perna direita por conta de acidente aéreo

O goleiro Jackson Follmann será o primeiro dos sobreviventes brasileiros da tragédia da Chapecoense a retornar ao país. Em entrevista ao SporTV, o médico chefe da aeronave que trará o jogador de volta ao Brasil, Francisco Souto, afirmou que ele deve chegar entre meia-noite e uma da manhã desta terça-feira (12) a São Paulo.

Em entrevista ao SporTV, Francisco afirmou que o voo com Follmann sai de Medellín por volta do meio-dia local, 15h de Brasília, fará uma escala em Manaus para abastecimento e regularização e depois segue direto para São Paulo.

"A aeronave que a gente está em Medellín é um Phenom 300, aeronave dedicada a transporte aeromédico onde a gente tem todos os recursos para manter a vida e o tratamento que for necessário. Temos inspiradores, desfibriladores, oxímetros, tudo que é necessário para transportar qualquer paciente. É uma UTI móvel", explicou o médico.

Francisco Souto também contou que a equipe que trará Follmann de volta ao Brasil manteve contato direto com o departamento médico da Chapecoense para saber da situação do atleta, a fim de preparar a aeronave da melhor maneira possível.

"A nossa missão é transportar o paciente até o hospital Albert Einstein, que ocorrerá entre o dia de hoje e a madrugada de amanhã", concluiu. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos