Klopp diz que goleiro do Liverpool "não quis um abraço" ao ir para o banco

Do UOL, em São Paulo

  • Phil Noble/Reuters

    Treinador mandou Loris Karius para o banco após partidas ruins

    Treinador mandou Loris Karius para o banco após partidas ruins

O técnico Jurgen Klopp acompanhou os críticos do goleiro alemão Loris Karius, novidade do Liverpool nessa temporada, e colocou o jogador no banco de reservas contra o Middlesbrough após atuações ruins contra Bournemouth e West Ham – derrota e empate, respectivamente. Após a partida, o treinador declarou que o atleta ficou insatisfeito com a decisão.

"Você pode imagina que ele não quis um abraço imediatamente, mas isso é uma decisão normal. Se não é o melhor momento você abre espaço, melhora e volta ao seu melhor e vemos o que pode acontecer. É claro, no primeiro momento não é o melhor momento da sua vida", contou.

"O Liverpool é um projeto de longo prazo. Queremos realmente melhorar o clube. Sabemos que temos que ter sucesso o quanto antes. Por outro lado, temos que estar confortáveis uns com os outros, goleiro incluso. Eu sei quão forte o Karius é", afirmou o treinador, que continuou."Infelizmente ele não pôde mostrar isso nos últimos um, dois, três jogos.., isso não é importante. Não estou interessado na pressão pública ou algo do tipo."

Aos 23 anos, o alemão Karius foi contratado em maio deste ano por 4,7 milhões de libras,  após quatro temporadas como profissional no Mainz 05. Com passagens pelas seleções de base da Alemanha, o jogador de 1,89 m estreou em setembro contra o Derby County, na Copa da Liga Inglesa. Quatro dias depois, debutou no Campeonato Inglês.

Karius é mais compatível com a mentalidade de jogo de Klopp, que prima por trocas rápidas de passe entre todos os jogadores, inclusive o goleiro. Mais habilidoso com a bola nos pés que Simon Mignolet, titular da posição nos últimos anos, ele ganhou o alemão ganhou a titularidade em outubro deste ano. A sequência de atuações ruins, no entanto, resultou no retorno do arqueiro belga contra o Middlesbrough – vitória por 3 a 0 fora de casa.

"Ele tem tido (bom desempenho nos) treinos, (tem uma) personalidade incrível. Um grande goleiro e ele foi muito bem no começo da temporada. Não há motivos e forçá-lo. Por isso fiz essa mudança meio cedo. Estamos bem", finalizou Klopp.

O Liverpool é o segundo colocado no Campeonato Inglês com 34 pontos, seis a menos que o líder Chelsea. O próximo compromisso da equipe de Klopp e Karius é o clássico contra o Everton, em Goodison Park.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos