Presidente do Corinthians admite erro com Oswaldo e fala em correção

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

Defensor de Oswaldo de Oliveira, o presidente do Corinthians Roberto de Andrade admitiu nesta quinta-feira (15) ter errado na contratação do treinador, que acabou demitido após só dois meses no clube e ainda não tem um sucessor. Na entrevista coletiva concedida ao lado do gerente de futebol Alessandro e do diretor de futebol Flávio Adauto, o dirigente falou em "correção" e concordou que a saída do técnico melhora a questão política no Parque São Jorge. 

"Acreditávamos no trabalho dele, que nos credenciou a traze-lo para trabalhar conosco. [Mas teve] Este 'contra' de todo mundo, que não consigo enxergar o porquê, e os resultados apresentados por ele nos dois meses. Logicamente se sabia que não dá para fazer muita coisa [em dois meses], mas achamos que a resposta do trabalho não foi o mínimo que esperávamos", declarou Roberto.  

"Sabemos que a cobrança no futebol, em se tratando de Corinthians, é grande. Vamos disputar torneios importantes ano que vem e a gente sabe que seria uma pressão maior que hoje caso os resultados não fossem bons. Mas ninguém tem bola de cristal. Se soubesse tudo antes, mesmo quando você contrata um jogador, se vai dar certo ou não, ninguém seria estúpido em trazer. A gente pode cometer erros, mas importante é que se corrija. Vamos colocar o Corinthians de novo no topo", complementou. 

"A gente sabe que pode ter errado, mas persistir no erro é pior ainda. Não temos ideia sobre o próximo que virá. Não é para três meses. A ideia é para cinco ou dez anos, só que futebol precisa de resultado, sem resultado fica difícil. Se o elenco não funciona, precisa mexer, é o que vamos fazer", disse ainda Roberto de Andrade com promessa de alterações no grupo de atletas. 

Roberto de Andrade também admitiu que o Corinthians deverá pagar multa rescisória para Oswaldo, mas não informou os valores. "O Corinthians vai cumprir o contrato, nós vamos pagar. Não me lembro agora qual é, mas o que firmamos será cumprido", disse, além de concordar que a demissão ameniza os ânimos acirrados entre conselheiros e durante processo de impeachment. 

"Minha defesa foi entregue na comissão de ética e vamos aguardar por ela para se manifestar. Eles analisam a documentação. Não cometi nada errado, estou tranquilo. Isso foi mostrado em documentos e está na mão da comissão de ética. Não é legal, não é bom, mas não posso depender disso para continuar o trabalho. Se todos estão contra o Oswaldo, acredito que faço algo também para agradar os outros. Não fiz por isso, mas em prol do Corinthians. Mas se isso também contribuir, ótimo". 

Confira todas as respostas do presidente Roberto de Andrade:

NÃO CONTRATOU SOZINHO
É lenda que o Roberto trouxe (o Oswaldo), porque o presidente define. Pode colocar dez nomes e a palavra final será sempre do presidente. Pode ter a concordância de 20, pode haver 19 a favor e um contra, mas a palavra final é do presidente. Não fiquei sozinho no nome do Oswaldo. Outras pessoas conhecendo o trabalho dele também falaram a favor. Sempre todo mundo participa, dá sua sugestão, sua ideia. 

PERFIL DO SUCESSOR
Perfil é sempre o mesmo, um vencedor, com relação boa com atletas, que saiba trabalhar, o perfil é sempre o mesmo. Todos buscam um vencedor. Não quero falar de nomes, declinando esse ou aquele. Nós vamos achar o nome, todos nesse momento se credenciam, sem exceção. O nome vai sair da nossa conversa, do que a gente espera, da disponibilidade das pessoas. Se eu quiser e ele não puder, não adianta.

OSWALDO FOI CONTESTADO POR JOGADORES?
Não tive acesso a isso, mas não difere muito de um ao outro. De uma forma ou outra, cada um tem sua maneira de trabalhar, cada um tem sua maneira de treinamento, mas não teve reclamação.

IMPORTÂNCIA DA SEQUÊNCIA PARA O TREINADOR
Não existe garantia a ninguém, existe resultado e bom trabalho. O longo prazo a gente enxerga como bom. O treinador também iniciar a temporada é bom ao invés de chegar no meio. Por isso estamos trocando no fim de uma temporada para o início de outra.

OSWALDO FICARIA COM VAGA NA LIBERTADORES?
É difícil de falar no 'se', mas ajudaria. É difícil de julgar alguma coisa. Se ele tivesse ganhado em todas, ficaria em terceiro ou quarto. Tenho que trabalhar com a realidade.

TREINADORES RECENTES NÃO VINHAM EM BOA FASE
Tem que analisar o histórico todo, os porquês, nós não sabemos o porquê das coisas. Quando você deixa o profissional trabalhar com um período maior, é inevitável que os resultados venham. Temos que avaliar nomes que aparecerão. Quero que o novo nome dê certo e faça o time ganhar. Pode ter alguém bom que não tenha títulos. A maioria contestou o Tite em 2010, ele estava no mundo árabe, não tinha tantos títulos. Em 2011, todos queriam a demissão, todos. Fiquei respondendo que ele não ia embora até o meio do segundo semestre de 2011.

BUSCA POR REFORÇOS MUDA APÓS SAÍDA DE OSWALDO?
Acho que não, o que acabei de dizer, temos comissão que toda avaliação dos nomes passa e continua a mesma coisa. os que vimos continuam de pé, independente de quem virá, dependendo pode acrescentar mais algum nome que não pensamos, não vimos. acho que no momento temos que trazer um nome, não que ele não mereça.

RITHELLY
É um bom nome, um grande jogador, mas não tem negociação com Rithelly nem com Sport. Ele agrada, como outros que estamos conversando. Nada além de ser bom jogador. Repito, pois parece uma frase feita, mas todos grandes jogadores interessam ao clube. Não existiu negociação até o momento.

SITUAÇÃO DO MEIA WAGNER
Ele fez exame, conversou, está tudo certo, mas falta a liberação do clube chinês. Se ele resolver a liberação, sim, se não resolver, não tem como. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos