Fla fica perto de Romulo, Conca e Marinho e planeja anúncios até janeiro

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Montagem/UOL

    Romulo, Conca e Marinho estão próximos do Flamengo para a temporada 2017

    Romulo, Conca e Marinho estão próximos do Flamengo para a temporada 2017

O Flamengo tem três contratações adiantadas para a temporada 2017. O volante Romulo, o meia Conca e o atacante Marinho costuram acordos com o Rubro-negro e as tratativas evoluem consideravelmente. O objetivo da diretoria é o de definir os casos o quanto antes, mas a tendência é a de que as confirmações aconteçam apenas em janeiro, após as festas de fim de ano.

Um fator importante no processo é a mudança do calendário por conta do adiamento da última rodada do Campeonato Brasileiro - o elenco se reapresenta em 11 de janeiro. Com isso, o Rubro-negro acredita que o primeiro mês do próximo ano será movimentado no mercado da bola e decisivo para as suas pretensões.

A situação de Romulo envolve ainda a liberação do Spartak Moscou-RUS. No entanto, entre jogador e Flamengo o acordo está praticamente definido. O volante deseja retornar ao Brasil e já comunicou aos russos. Ele se reapresentará no início de janeiro em Moscou para resolver a questão e desembarcar na Gávea em sequência.

O vínculo de Romulo com o Spartak se encerra em 30 de junho de 2017. O Rubro-negro teria de arcar com os custos da transação, mas o próprio atleta é um atalho para o negócio. Ele abriria mão do que tem a receber e seria reembolsado pelo clube carioca na extensão do contrato que será assinado.

A negociação com Conca, revelada pelo UOL Esporte, também está muito bem encaminhada. Nos bastidores do Flamengo, inclusive, o acordo já é dado como sacramentado. O argentino é esperado em janeiro no CT Ninho do Urubu para iniciar a parte final da recuperação da cirurgia no joelho. Ele deve voltar aos gramados a partir de março.

As partes formalizam o contrato de empréstimo por um ano junto ao Shanghai SIPG, da China. O Flamengo não terá custos na operação e arcará apenas com parte do salário do jogador, inferior à metade do que recebe na China - R$ 500 mil, no máximo.

Marinho é o atacante de lado de campo, definido pelos dirigentes como "ponta agressivo", que leva vantagem nas conversas e se coloca mais perto da Gávea do que Vitinho e Willian. A multa rescisória do jogador é de 5 milhões de euros - R$ 17,7 milhões.

O Rubro-negro tem um acordo financeiro encaminhado com Marinho, mas descarta arcar com o valor total da multa e planeja uma proposta para comprar a metade dos direitos econômicos junto ao Vitória. Flamengo, representantes e jogador mantêm contato na expectativa de concluírem a transação. Se tudo andar como o esperado, o atacante será mais um reforço anunciado pelo clube em janeiro.

Qualquer confirmação antes da virada do ano não está descartada pelo Flamengo. Entretanto, os nomes escolhidos demandam tratativas mais longas e deixam os dirigentes confiantes em finalizá-las no mês inaugural de 2017, preferencialmente antes de a bola rolar.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos