Quem é quem: conheça detalhes dos adversários brasileiros na Libertadores

Do UOL, em São Paulo

  • Jorge Adorno/Reuters

O sorteio dos grupos da Libertadores de 2017 realizado nesta quarta-feira (22) em Luque, no Paraguai, definiu os primeiros passos dos brasileiros na competição da próxima temporada. Flamengo caiu em chave difícil, com rivais conhecidos, e o Botafogo pegará o Colo-Colo já na segunda eliminatória. Nem todos os clubes do torneio, no entanto, são conhecidos - e é por isso que o UOL Esporte dá uma mãozinha para você saber quem é quem no continental. 

Segunda eliminatória: Bota pega Colo-Colo

  • O time da capital chilena chegou à Libertadores ao ser campeão da Copa do Chile. 
  • Seu principal jogador é Esteban Paredes, atacante veterano e ídolo do clube. Ele foi artilheiro do time na Copa do Chile.
  • Na imprensa chilena há rumores de que Jorge Valdivia é o número um da lista de reforços. 
  • O clube tem 30 títulos do Chileno e já conquistou a Libertadores em 1991. 

Segunda eliminatória: Atlético-PR pega Millonarios

  • O time da capital colombiana chegou à Libertadores por ser o maior pontuador do país em 2016, considerando os torneios Apertura e Finallización. 
  • A equipe passa por desmanche: já são sete baixas. Jonathan Estrada, Carlos Henao, David Valencia, Lewis Ochoa, Héctor Quiñones e Rafael Carrascal deixaram o clube após o fim da temporada. A equipe repôs as perdas rápido e anunciou cinco jogadores na última terça-feira. Nenhum nome de peso ou conhecido dos brasileiros.
  • O clube aposta no estádio El Campín e na sua grande torcida (é a segunda maior da Colômbia) para sufocar os adversários quando joga em casa.   
  • O Millonarios tem 14 títulos colombianos, mas nunca venceu um torneio continental de peso.

Grupo do Santos: Santa Fe e Sporting Cristal

  • Time da capital colombiana, o Independiente Santa Fe chegou à Libertadores por ser atual campeão do Finalización. 
  • O principal jogador do Santa Fe ainda é o capitão e ídolo Omar Pérez, meio-campista de 35 anos.
  • O Santa Fe foi nove vezes campeão colombiano. Nunca levou a Libertadores, mas em 2015 venceu a Copa Sul-Americana
  • Sporting Cristal, de Lima, a capital do Peru, está na Libertadores graças ao título do Campeonato Descentralizado de 2016.
  • Lobatón, meia e capitão do Sporting Cristal, jogador de seleção, é o principal nome do time. 

Grupo do Flamengo: San Lorenzo e Universidad Católica

  • O San Lorenzo, campeão da Libertadores 2014, é o vice-campeão argentino - o Lanús derrotou a equipe na final por 4 a 0.
  • San Lorenzo, futuro adversário do Flamengo, também chegou à semifinal da Copa Sul-Americana em 2015, quando foi eliminado pela Chapecoense.
  • Universidad Católica disputará a Libertadores 2017 como campeão do Torneio Clausura 2015/16 e do Torneio Apertura 2016/17.

Grupo do Palmeiras: Peñarol e Jorge Wilstermann

  • O Peñarol é o atual campeão uruguaio: o título foi conquistado em junho passado.
  • Peñarol enfrentou dificuldades no Apertura, campeonato mais recente - a equipe ficou na 14ª posição entre os 16 participantes do Apertura.
  • O Jorge Wistermann venceu o Campeonato Boliviano em maio. No Apertura, o time terminou na terceira posição, atrás do campeão Sport Boys e do Bolívar.

Grupo do Atlético-MG: Libertad, Godoy Cruz, Sport Boys

  • Libertad é dono de 18 títulos do Campeonato Paraguaio e tem como presidente Horacio Cartes, atual presidente do Paraguai.
  • Libertad se classificou para a atual edição da Libertadores por ter vencido o Torneio Apertura.
  • Godoy Cruz participará pela terceira vez da Libertadores. O time argentino estreou no torneio em 2011, caindo na fase de grupos.
  • Para esta edição, o Godoy Cruz conseguiu a vaga ao terminar em quarto no Campeonato Argentino.
  • Sport Boys estreou na primeira divisão boliviana na temporada 2013/14. Em franca ascensão, a equipe se classificou para esta edição da Libertadores por ter vencido o Torneio Apertura 2015/16 na Bolívia.

Grupo da Chape: Nacional-URU, Lanús e Zulia

  • Nacional-URU está na Libertadores por ter sidol vice-campeão uruguaio na temporada 2015/16. É um dos times mais tradicionais do continente.
  • Jorge Fucile, lateral que já jogou no Santos, é um dos nomes mais conhecidos do Nacional-URU.
  • Na última Libertadores, o Nacional-URU se classificou em grupo que o Palmeiras foi eliminado e despachou o Corinthians nas oitavas de final. Caiu nas quartas. 
  • Nacional-URU tem três títulos da Libertadores (1971, 1980 e 1988), uma Sul-Americana (1989) e 46 títulos uruguaios. 
  • Lanús foi campeão argentino em 2016 e por isso está na Libertadores. 
  • Lautaro Acosta e José Sand formam dupla de ataque forte no Lanús. Sand, aliás, foi o artilheiro da Argentina na temporada. 
  • Lanús tem dois títulos continentais: Copa Sul-Americana de 2013 e Copa Conmebol de 1996. 
  • Zebra, o Zulia encerrou jejum de 11 anos sem títulos ao vencer o Clausura venezuelano e por isso está na Libertadores. 

Grupo do Grêmio: Guaraní-PAR, Zamora, Deportes Iquique

  • Guaraní chamou a atenção na Libertadores de 2015 ao eliminar o Corinthians nas oitavas de final. A equipe paraguaia se classificou para atual edição ao vencer o Torneio Clausura, do Paraguai.
  • Em 2014, o Zamora ficou no mesmo grupo do Atlético-MG, perdendo ambas as partidas por 1 a 0. Para estar edição, conquistou a vaga por ser o atual campeão venezuelano.
  • Deportes Iquique está na edição 2017 da Libertadores por ter sido vice-campeão do Torneio Apertura 2016/17, no Chile.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos