Contrato de Tevez com time chinês tem cláusula que permite retorno ao Boca

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Natacha Pisarenko

    Carlitos Tevez deixou o Boca Juniors para receber 40 milhões de dólares anuais na China

    Carlitos Tevez deixou o Boca Juniors para receber 40 milhões de dólares anuais na China

Carlitos Tevez nem bem chegou à China e já poderia voltar ao Boca Juniors. É o que conta o representante do jogador, Adrián Ruocco. Segundo o empresário, uma cláusula em seu contrato com o Shanghai Shenhua pode antecipar a volta do atleta para a Argentina para 2017.

Tevez fechou um contrato por duas temporadas com o clube chinês, que pagará ao jogador US$ 40 milhões por cada ano jogado no time. Se não se adaptar à China, no entanto, o argentino poderá voltar para o Boca Juniors ou se aposentar do futebol.

"O contrato tem algo que contempla que se Carlos não se adaptar na China até novembro de 2017, ele pode voltar (para o Boca). Ele poderá tomar um ar e voltar com outras energias. Mas é assim: ou ele deixaria o futebol e ou voltaria ao Boca. Para ir para outra equipe, o Shanghai Shenhua teria que vende-lo. Com Boca e com sua vida, ele tem tratamento especial", contou o representante de Tevez, Adrián Ruocco, em entrevista ao Fox Sports argentino.

O empresário, no entanto, contou que um retorno ao clube argentino poderia não acontecer por conta da relação de Tevez com a torcida, a qual ficou irritada com o jogador por sua transferência para a China. "Eu não descarto uma volta, mas as pessoas têm que querer. Se a relação foi desgastada ou se algo foi rompido, é difícil de unir novamente, claro que assim não aconteceria. Se Carlos voltar, e encher o estádio, como já o fez, seria curioso", acrescentou.

Quer receber notícias do seu time de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos