Novo diretor da Chape confirma 3 reforços e pede "clube reconectado"

Daniel Fasolin

Colaboração para o UOL, em Chapecó

  • Site oficial da Chapecoense

    Zagueiro Douglas Grolli (foto) retorna à Chapecoense. Atleta está emprestado pelo Cruzeiro

    Zagueiro Douglas Grolli (foto) retorna à Chapecoense. Atleta está emprestado pelo Cruzeiro

Nesta terça-feira (03), o diretor executivo da Chapecoense, Rui Costa, falou sobre as negociações da Chapecoense  e aproveitou para ratificar a contratação de  três jogadores, os atacantes Nadson e Rossi e o zagueiro Grolli.

As atividades de forma efetiva começam no dia 6 e até lá a Chapecoense deverá ter boa parte dos atletas. Amanhã (04), os jogadores confirmados irão conceder entrevista coletiva e vestir a camisa da Chapecoense.

Resultado dos Trabalhos

"Um momento importante, pois é primeira manifestação nossa para a atualização dos trabalhos realizados ate aqui. Nesses 20 dias o trabalho foi intenso, há uma ansiedade muito grande por arte do torcedor e nossa, pois queremos reconectar a Chape com as rotinas esportivas. Tivemos um desafio de reestruturar o departamento de futebol, respeitando os profissionais que estão aqui, a cultura da casa e os atletas que serão aproveitados".

Composição do grupo para inicio dos trabalhos

"Temos hoje um grupo apto para iniciar a pré-temporada. Essa era nossa grande ansiedade, e hoje sabemos que teremos um grupo para iniciar os trabalhos dia 6 de janeiro. Por questões jurídicas e burocráticas talvez não tenhamos todos aqui no dia 6. Precisamos respeitar o período de férias dos atletas. Formalizamos as contratações do Rossi, Nadson e Grolli. Já o goleiro Elias também está encerrando as formalizações para a assinatura do contrato".

Homenagem e espera por Ruschel, Neto e Folmann

"Nenhum atleta utilizará as camisetas de Alan Ruschel, Neto e Follmann, é uma maneira de respeitar esses atletas e acima disso nós esperamos contar com o Neto e o Alan no futuro, infelizmente não contaremos com o Follmann para dentro do campo, mas ele se integrará com a gente em algum cargo no clube".

Dificuldade nas contratações em relação ao Grêmio

"Não senti nenhuma diferença. São clubes de mesma grandeza e eu sou muito grato ao Grêmio, faz parte da minha história, mas eu estou em um grande clube também. Nós estamos tratando as contratações de forma muito profissional. Ninguém esta trabalhando com gratidão, nas negociações muitos clubes estão sendo parceiros, mas não abrimos mão de ter a nossa capacidade de negociar da forma que achamos correto e fazer nossas escolhas. Profissionalmente somos uma grande marca com um calendário espetacular, somos o clube mais observado quiçá do mundo e temos que usar isso a nosso favor".

Importância de Nivaldo e Maringá

"Quando cheguei aqui falei em pertencimento. Eu só poderia render se eu entendesse que eu pertenço à Chapecoense e a melhor maneira de entender isso era saber como a comunidade se relaciona com o clube e como as pessoas aqui dentro trabalham. Nivaldo é um ídolo aqui e eu percebo isso todo dia que saio com ele.  Conseguimos transmitir as experiências de cada e eles conseguiram passar para mim o que é vestir essa camisa e estar aqui. Só conseguiremos reconstruir juntos. Eu estou aqui, mas eu sou Chapecoense e esses dois profissionais, Maringá e Nivaldo, junto com o Nei (Vice de Futebol) são muito importantes".

Utilização da lista de Maurinho e Cadu

"Nós respeitamos essa lista, pois a Chapecoense tem uma história, mas ampliamos essa lista, pois ela foi feita para algumas contratações pontuais e nós temos desafio de contratar 20 ou 22 atletas. Tinha uma relação muito próxima com o Maurinho e nossas listas eram convergentes, nós mapeamos quase 90 jogadores utilizando todos os bancos de dados. Disso chegamos a uma lista de 37 atletas até chegar no número de atletas que contratamos hoje

Vinda de atletas durante a temporada

"Um clube é sempre aberto para chegadas e partidas, o futebol é assim. Nosso desafio é reestruturar o time da Chapecó, por tanto ter quantidade e qualidade. Tínhamos 4 atletas aptos aqui. Nós queremos que o grupo de trabalho que inicia o ano termine, pois é a prova que nós acertamos. Estaremos atentos ao mercado, mas esperamos  que para a Libertadores  e nesses primeiros 3 meses tenhamos um grupo que possa ir até o final.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos