Santos já sabe quanto pode pagar por Robinho e vai atrás do Atlético-MG

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Bruno Cantini/Atlético

    Santos deve oferecer R$ 600 mil de salário a Robinho, mas precisa se acertar com o Galo

    Santos deve oferecer R$ 600 mil de salário a Robinho, mas precisa se acertar com o Galo

O Santos já sabe o quanto pretende pagar para contratar o atacante Robinho, ídolo do clube e que tem contrato com o Atlético-MG até dezembro deste ano. O UOL Esporte apurou que a diretoria santista está disposta a desembolsar R$ 600 mil de salário mensal para convencer o atleta a vestir a camisa 7 do clube novamente.

A proposta ainda não foi feita ao jogador, pois a advogada e representante do atleta, Marisa Alija, está de férias no exterior e só retorna ao Brasil nesta semana.

A posição do estafe de Robinho é que o Santos procure o Atlético-MG em primeiro lugar e, caso o Galo esteja disposto a negociar o jogador, eles aceitam ouvir a proposta santista.

Por conta disso, a cúpula santista também deve procurar o Atlético-MG nesta semana para saber a possibilidade de liberação e até quanto teria que pagar financeiramente pela rescisão do atleta.

Robinho é o número 1 da lista de reforços do Santos. O clube até definiu que o ex-camisa 7 está na frente de Gabigol, caso eles precisem escolher entre os dois jogadores. A diretoria já definiu que financeiramente só um deles poderia ser contratado.

Vale ressaltar que o Santos, diferentemente do início do ano passado, quando perdeu o jogador para o Atlético-MG, tem dinheiro em caixa. O clube paulista recebeu a bolada referente à saída de Gabigol para a Internazionale, da Itália. O clube vendeu Gabriel por 29,5 milhões de euros (R$ 108 milhões) e ficou com cerca de 18 milhões de euros (R$ 64 milhões).

Além disso, o Santos está esperançoso em relação ao retorno de Robinho, pois a parceria do jogador com a Dry World não deu certo. A empresa de material esportivo pagaria a maior parte do salário do atleta, mas atrasou o pagamento logo no início do ano passado e, ainda no primeiro semestre, parou de cumprir o acordo totalmente.

Robinho ficou com o ordenado atrasado, mas o Atlético-MG pagou a parte da Dry World e colocou o salário do atacante em dia. O clube mineiro foi obrigado a pagar o salário integral de Robinho, já que o acordo do jogador foi assinado diretamente com o Galo.

O Atlético-MG não esconde que pretende negociar uma de suas estrelas para aliviar a folha de pagamento. O clube esperava que isso ocorresse com o atacante Lucas Pratto no meio de 2016, mas não aconteceu. Vale lembrar que Robinho tem um dos maiores salários do elenco. 

Aos 32 anos, Robinho já teve três passagens pelo Santos. Já defendeu também Real Madrid, Manchester City, Milan e Guangzhou Evergrande (China).

Quer receber notícias do Santos e do Atlético-MG de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos