Flamengo minimiza ida de Marinho para China e já busca outros nomes

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza/ Flamengo

    O vice de futebol Flávio Godinho tratou com naturalidade a ida de Marinho para o exterior

    O vice de futebol Flávio Godinho tratou com naturalidade a ida de Marinho para o exterior

O Flamengo tratou com naturalidade o anúncio da saída de Marinho do Vitória para jogar no exterior. O destino será o futebol chinês e suas cifras milionárias. No Brasil, a prioridade do jogador e do empresário Jorge Machado era o Rubro-negro carioca. No entanto, tornou-se inviável competir com os valores envolvidos.

Procurado pela reportagem do UOL Esporte, o vice-presidente de futebol Flávio Godinho deixou claro que o clube não foi surpreendido com o anúncio ao ser perguntado se esperava a decisão.

"Não se trata de esperar. Sempre deixamos claro que nenhum clube brasileiro poderia competir com o futebol chinês no que tange ao pagamento de multa, etc", afirmou.

"Seguiremos trabalhando pelos reforços pontuais", completou.

O Flamengo tinha o aval, mas trabalhou com uma oferta para comprar 50% dos direitos econômicos do atacante abaixo da multa rescisória - 5 milhões de euros (cerca de R$ 17 milhões). Apesar do acerto entre as partes, ficou impossível concretizar a transferência.

Sem Marinho, o Rubro-negro já busca outros nomes e analisa possibilidades. O paraguaio Cecilio Domínguez, destaque do Cerro Porteño, é uma das alternativas, mas esbarra em problema semelhante.

Os altos valores assustaram os cariocas nas conversas iniciais. O atacante custa R$ 27 milhões. Para a negociação avançar será necessário reduzir a pedida ou que algum outro tipo de modelo operacional seja adotado. As partes se falam e o Rubro-negro analisa a questão.

Willian Bigode, do Cruzeiro, foi outro nome procurado pelo Flamengo durante o início da busca por reforços. Não houve evolução nas tratativas e ele era considerado a terceira opção para o setor. O jogador pode voltar aos planos apesar da resistência do Cruzeiro em liberá-lo sem uma considerável compensação. Além disso, Willian desperta o interesse de outros clubes, que estão mais avançados nas tratativas.

Com as chegadas de Miguel Trauco e Conca, o Flamengo "fecha o mercado" em um primeiro momento com a confirmação do volante Romulo e a chegada de um atacante. O trabalho segue na Gávea em busca de equilibrar o elenco para a temporada 2017.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos