"Guardiola quer ser presidente do Barcelona", diz Fabio Capello

Do UOL, em São Paulo

  • Xinhua/Valery Sharifulin/ITAR-TASS/ZUMAPRESS

    Capello foi demitido da seleção russa em 2015 e está sem emprego

    Capello foi demitido da seleção russa em 2015 e está sem emprego

Depois de Pep Guardiola revelar que sua carreira está perto do fim, rumores começam a surgir sobre qual seria o futuro de um dos treinadores mais vitoriosos dos últimos dez anos. Segundo Fabio Capello, renomado técnico italiano, Guardiola já estaria pensando no próximo passo, que seria se tornar presidente do Barcelona.

"Ele já pensa em ser presidente do Barcelona", afimou Capello em entrevista à Sky Sports. "Acredito que ele possui essa ideia em mente e que voltará ao Barcelona para ser presidente", completou o italiano.

Nesta última semana, em entrevista ao canal americano NBC, Guardiola disse que não pretende trabalhar muito mais tempo como técnico."Não estarei em um banco até os 60 ou 65 anos. Estarei em Manchester nas próximas três temporadas, talvez mais, mas estou chegando perto do final da minha carreira, tenho certeza disso", disse o espanhol.

A primeira temporada de Guardiola como técnico de uma equipe principal foi 2008/09, quando ele conquistou seis títulos pelo Barcelona. O treinador ficou na equipe catalã até 2011/12 e tirou um ano sabático na temporada 2012/13. Entre 2013 e 2016, dirigiu o Bayern de Munique, e desde o meio do ano passado está no Manchester City.

Quer receber notícias do futebol internacional de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos