Na lista de Ceni, São Paulo não libera meia para a seleção brasileira

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Afonso Pastore/saopaulofc.net

O São Paulo não vai liberar o meia Shaylon para a seleção brasileira sub-20, que disputará o Sul-Americano da categoria entre janeiro e fevereiro de 2017, no Equador. A pedido de Rogério Ceni, o garoto, de 19 anos, vai integrar a delegação tricolor na Florida Cup.

Antes mesmo de fazer o anúncio oficial da convocação, na quarta-feira (4), a CBF comunicou o São Paulo, que já havia deixado claro que não tinha a intenção de liberar jogador. Nesta quinta-feira, representantes da entidade e do clube conversaram e acataram a decisão tricolor.

O São Paulo pôde obter liberação porque a competição continental não será disputada em data Fifa. O atleta substituiria Everton Felipe, do Sport, que se lesionou. Os jogadores chamados pelo técnico Rogério Micale para a seleção já estão em treinamento na Granja Comary.

Essa é a segunda mudança nos planos de Shaylon que acontece nos últimos dias. O meia era a principal promessa do time do Morumbi para a Copa São Paulo de Futebol Júnior, mas, a pedido do treinador Rogério Ceni, deixou a equipe de base para cumprir pré-temporada com os profissionais nos Estados Unidos.

A estreia da seleção brasileira no Sul-Americano sub-20 será no dia 18, contra o Equador. O Brasil está no Grupo A da competição, que conta ainda com Colômbia, Chile e Paraguai. Na outra chave estão Uruguai, Argentina, Venezuela, Bolívia e Peru.

O Torneio da Flórida, válido como pré-temporada para o São Paulo, ocorrerá entre 19 e 21 de janeiro. O avanço do Brasil na competição poderia também impedir que Shaylon esteja a disposição do tricolor no início do Campeonato Paulista - o time estreia contra o Audax, no dia 5 de fevereiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos