Titular contra o Real Madrid, Ganso é criticado na Espanha: "Inofensivo"

Do UOL, em São Paulo

  • Aitor Alcalde Colomer/Getty Images

    Brasileiro tem tido dificuldades para se firmar no futebol espanhol

    Brasileiro tem tido dificuldades para se firmar no futebol espanhol

No Sevilla desde a metade de 2016, Paulo Henrique Ganso tem tido dificuldades para ganhar admiradores no futebol espanhol. Após ser escalado como titular pelo técnico Jorge Sampaoli na quarta-feira (4), no jogo de ida das oitavas de final da Copa do Rei, o brasileiro foi muito criticado pelos jornais espanhóis pela atuação no Santiago Bernabéu.

"O brasileiro deixou claro no Bernabéu que seu ritmo vale para outros países de nível mais baixo. Na Espanha, apenas lampejos", criticou o jornal "Marca".

Em 45 minutos contra o Real Madrid, Ganso pouco fez com a bola e teve dificuldades para acompanhar o time adversário na marcação. Para o "As", faltou intensidade ao brasileiro. "Ganso confirmou que com esse ritmo é impossível competir com os grandes: alto nível técnico para compromissos pequenos."

O "Mundo Deportivo" criticou tanto Ganso quanto o francês Nasri, chamando ambos de "desaparecidos" e dizendo que o Sevilla nem atacou, nem defendeu contra os madrilenos. A publicação destacou a substituição do brasileiro no intervalo, para entrada de Pablo Sarabia.

"Inofensivo" foi a palavra usada pelo "Sport" para descrever o desempenho do brasileiro, que levou um cartão amarelo durante o primeiro tempo da derrota por 3 a 0.

Apesar do desempenho do brasileiro, o Sevilla está bem na temporada. O clube se classificou às oitavas de final da Liga dos Campeões e é o terceiro colocado do Campeonato Espanhol, com um ponto a menos que o vice-líder Barcelona.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos