"CR7 pisou no tornozelo de Messi", diz jornal argentino; veja repercussões

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

O prêmio de melhor jogador do mundo da Fifa dado a Cristiano Ronaldo repercutiu ao redor do mundo. Na Argentina, terra de Lionel Messi, principal rival do português, o destaque ficou para o discurso feito após a premiação. Nele, o português lembrou a ausência dos jogadores do Barcelona, em Zurique, local do evento.

Na capa de seu site, o jornal argentino "Clarín" destacou a ausência de Messi e afirmou que Cristiano Ronaldo "pisou no tornozelo" do atacante do Barcelona.

Outro representante da imprensa argentina, o "Olé" também destacou a ausência de Messi na premiação e usou a frase "The Best" (o melhor, em inglês) para se referir a Cristiano Ronaldo. O uso é um trocadilho com o prêmio da Fifa, justamente "The Best".

A frase de Cristiano Ronaldo sobre os jogadores do Barcelona também foi destaque no Daily Mail, da Inglaterra. "Cristiano Ronaldo cutuca Messi e companhia", escreveu o jornal em sua capa online.

O discurso de Cristiano Ronaldo também repercutiu na Espanha. O "Mundo Deportivo", conhecido por sempre dar mais destaque ao Barcelona, disse que "Cristiano Ronaldo não conseguiu esquecer de Messi em seu discurso".

O "AS" e o "Marca", com tendências mais madrilenhas, foram mais tradicionais e afirmaram que o prêmio coroou um ano "perfeito" do português.

Jornal português "esconde" prêmio de Ronaldo

Reprodução

Apesar de ser do mesmo país que Cristiano Ronaldo, o jornal "A Bola" não deu grande destaque ao prêmio do português. Em sua capa online, a conquista do atacante do Real Madrid apenas no quinto destaque.

Reprodução

O "O Jogo", outra publicação portuguesa, no entanto, seguiu o previsto: grande destaque ao principal jogador do país. O jornal destacou a frase "as pessoas não são cegas", dita por Cristiano Ronaldo em seu discurso da vitória.

Cristiano Ronaldo? Ranieri é destaque na Itália

Reprodução

Enquanto o mundo usava Cristiano Ronaldo como a principal notícia da premiação, a "Gazzetta dello Sport", da Itália, foi por outro caminho. Em seu destaque principal no site, a publicação deu ênfase ao prêmio conquistado pelo italiano Claudio Ranieri, melhor treinador do ano, por causa do título inglês com o Leicester.

"Ranieri bate Zidane. É o melhor técnico de 2016", escrever a "Gazzetta" na capa de seu site.

O Prêmio da FIFA explicado em uma conversa do WhatsApp

Quer receber notícias do seu time de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos