Ex-dirigente corintiano ironiza Ceni no SP e exalta gestão do Palmeiras

Do UOL, em São Paulo

  • Julia Chequer/Folhapress

    Ex-vice presidente do Corinthians, Luis Paulo Rosenberg é cotado a retornar à diretoria alvinegra

    Ex-vice presidente do Corinthians, Luis Paulo Rosenberg é cotado a retornar à diretoria alvinegra

Luis Paulo Rosenberg tem seu nome cotado a retornar ao Corinthians. Ele diz que dificilmente terá espaço na gestão do atual presidente, Roberto de Andrade. Mesmo longe do futebol, Rosenberg mantém a língua afiada. O ex-diretor do marketing corintiano ironizou a escolha de Rogério Ceni para dirigir o time do São Paulo e elogiou o atual modelo financeiro adotado pelo Palmeiras.

Em entrevista à rádio Bradesco Esportes, o ex-cartola do Corinthians acredita que o período de capacitação como técnico não foi suficiente para Ceni comandar o São Paulo.

"Lógico que a gente curte demais o naufrágio do São Paulo. Mas quando eles vêm tentando transformar um goleiro em técnico iniciante. Vai ser muito divertido".

"Milagre existe [respondendo se Ceni dará certo]. Conhece o provérbio do Barão de Itararé: 'De onde menos se espera, daí é que não sai nada'? Mas vai chegar assim sem ao menos treinar um pouco na Ferroviária? Vou ficar muito surpreso".

Rosenberg exaltou a maneira como o Palmeiras atraiu investidores, mas não deixou de cutucar o time alviverde.

O ex-vice-presidente corintiano diz que Paulo Nobre é um exemplo bem sucedido de "presidente apaixonado";

"Fazer o que a gente fez no Corinthians para aumentar a receita. não é difícil, porque é muito poderosa essa marca. Mas difícil é conseguir aumentar com o Palmeiras, que é um clube mercadologicamente muito limitado, com uma torcida muito especifica, que não gera um dividendo ao patrocinador como gera o Corinthians e Flamengo. Precisa da loucura maravilhosa do presidente, que põe dinheiro. Esse empenho é uma coisa maravilhosa", comentou Rosenberg.

"O [Palmeiras tem o] presidente que bota dinheiro e ainda tem uma patrocinadora [Crefisa] que paga uma para colocar sua marca. Um dinheiro que não vale mercadologicamente [à patrocinadora], mas vale pra ela. Fazer isso é um mérito espetacular do clube. E mesmo assim você vê a patrocinadora, com tudo o que ela faz, ainda tem repulsa dentro do clube".

Quer receber notícias do seu clube de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos