Dorival aposta em Thiago Ribeiro, mas espera Bruno Henrique e mais reforços

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Divulgação/SantosFC

    Thiago Ribeiro retornou de empréstimo do Bahia e pode ser utilizado por Dorival

    Thiago Ribeiro retornou de empréstimo do Bahia e pode ser utilizado por Dorival

Após o segundo dia de trabalho do Santos nesta temporada, o técnico Dorival Júnior fez uma analise do seu elenco, principalmente dos reforços contratados e daqueles que retornam de empréstimo, caso do atacante Thiago Ribeiro, que estava no Bahia. Dorival disse que confia no jogador e, pela primeira vez, cogita utilizar o experiente atacante em 2017.

A experiência de Thiago Ribeiro, que já foi artilheiro da Copa Libertadores da América em 2010, e a necessidade de atacantes que atuem pelos lados do campo, fizeram o treinador mudar de ideia. Isso porque, no final do ano passado, Dorival não se mostrou animado em contar com o atleta.  

"É um jogador que sempre foi importante (Thiago Ribeiro). Pelo posicionamento tático, cumprir funções, por ser agressivo. Todo atleta passa por um momento instável. Ele tem capacidade, qualidade e condições de se recuperar bem. Confio muito. Provavelmente (ficar com ele)", afirmou Dorival.

No entanto, a presença de Thiago Ribeiro não faz o treinador desistir de reforços para a posição. Dorival confirmou que espera a chegada de Bruno Henrique, ex-Goiás e que atua no Wolfsburg, da Alemanha, além de mais um ou dois reforços.

"Não coloco dessa forma. Não cereja do bolo (Bruno Henrique), mas viria para fortalecer o elenco, é um grande atacante, que melhoraria um grupo já muito bom, em condições de melhorar ainda mais. Com condições de fazer campanha tão boa ou melhor que ano anterior", disse o técnico.

O Santos enviou um representante a Alemanha para tentar fechar o empréstimo de Bruno Henrique por uma temporada. Além do ex-atacante do Goiás, a diretoria santista trabalha outras possibilidades, mas mantém os nomes em sigilo por causa da forte concorrência no mercado da bola.

"Trabalhamos em algumas frentes. Não especificamente em posição definida. Alguns nomes que vocês acompanham. Até pelo volume de jogos que teremos, pela complexidade, competições, objetivos. Necessitamos estar mais compostos em primeiro momento, em condições de fazer competições no mesmo", concluiu.

Quer receber notícias do Santos de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos