Presidente de clube chinês confirma ofertas por D. Costa, Benzema e Cavani

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

O presidente do Tianjin Quanjian Shu Yuhui confirmou ofertas do clube chinês por vários nomes famosos do futebol europeu. Segundo o dirigente, o time fez ofertas por Benzema, Diego Costa e Cavani.

"Estamos esperando, mas no futebol teremos algo. Tentamos contratar vários atacantes, fizemos uma oferta pelo Benzema, mas com essa mudança de política, é inútil", disse o dirigente em entrevista à Tianjin TV reproduzida pelos meios de imprensa internacionais nesta terça (17).

O dirigente se reuniu recentemente com o famoso empresário português Jorge Mendes e conversou com o agente sobre diversos atletas, entre eles, Diego Costa.

"Os rumores sobre Costa são certos. Nós o queríamos e fizemos também um oferta por Cavani, estamos negociando. Mendes veio até minha casa tem uns dias e falamos sobre Diego Costa, Falcao Garcia e Raúl Jiménez. O acordo por estes dois últimos estavam fechados, o preço era bom e os jogadores estavam prontos para assinar. Logo, no entanto, vieram notícias sobre os limites salariais e as restrições sobre jogadores estrangeiros e tivemos que mudar", explicou.

"O PSG nos informou que permitiria que Cavani deixasse o clube apenas em junho, mesmo com ele querendo se juntar a nós. O mesmo pode ser dito sobre Diego Costa. O Chelsea só o deixaria ir em junho. Mas em junho já estamos quase no meio da temporada e não poderemos esperar tanto", analisou o presidente, que ainda lamentou as novas regras de transferência na China.

"Nosso clube tinha um grande plano de investimento para a próxima temporada, mas estamos de mãos atadas por causa das novas regras", comentou.

Os times chineses poderão ter cinco jogadores estrangeiros no elenco, independentemente de nacionalidade. O que mudou? Anteriormente o padrão era 4+1, sendo esse "+1" um asiático não-chinês.

A regra também estabelecia que apenas quatro estrangeiros poderiam estar em campo ao mesmo tempo, sendo um deles obrigatoriamente o de origem asiática. Após a nova mudança, só três atletas de outros países poderão jogar juntos, sem distinção da nacionalidade.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos