Topo

Futebol


Gilvan esclarece situação de Robinho, que segue emprestado até 2019

Marcello Zambrana / Light Press / Cruzeiro
Mesmo emprestado, Robinho não sairá do Cruzeiro, que terá seus direitos até 2019 Imagem: Marcello Zambrana / Light Press / Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

18/01/2017 21h46

Envolvido na troca que levou o Willian para o Palmeiras, o meia/atacante Robinho renovou seu contrato com o Cruzeiro por mais dois anos. O antigo vínculo com o clube era até o final do ano, mas agora o novo empréstimo com o time paulista foi estendido por mais duas temporadas.

Nesta quarta-feira, o presidente Gilvan de Pinho Tavares esclareceu o acordo com o Palmeiras e assegurou que até 2019 o Cruzeiro será dono em definitivo de Robinho.

"O Palmeiras não é dono de 100% do Robinho. O Coritiba e parceiros têm parte dele. Aí o Palmeiras nos pediu um tempo para que pudesse acertar com os parceiros e depois transferir o Robinho em definitivo para o Cruzeiro", falou.

Ex-camisa 9 do Cruzeiro, Willian já rescindiu seu contrato com o clube mineiro e assinou em definitivo com o Palmeiras, também por três anos.

"Por enquanto eles (diretores do Palmeiras) nos deram a garantia de que no prazo contratual ele será todo do Cruzeiro. O contrato de empréstimo foi esticado de um para três anos. Não há possibilidade, nestes três anos, de o Palmeiras achar um negócio e o Robinho deixar o Cruzeiro. Nesse tempo, eles já terão se acertado com o Palmeiras e o Robinho será 100% do Cruzeiro".

Mais Futebol