Corinthians vai à final da Copinha, mas vê torcida criticar time principal

Do UOL, em São Paulo (SP)

O Corinthians avançou sem sustos à final da Copa São Paulo. Na noite deste domingo, o clube de Parque São Jorge espantou a fama de 'Moleque Travesso' do Juventus e venceu com tranquilidade por 3 a 0, em partida disputada na Arena Barueri. Carlinhos, Marquinhos e Fabrício Oya anotaram os gols.

A atuação impressionou os mais de 11 mil torcedores presentes. Os corintianos usaram o sucesso do time da base para alfinetar o profissional, que terminou a temporada em baixa, fora da Copa Libertadores, e acabou derrotado nos pênaltis pelo São Paulo, na final da Florida Cup.

A final da Copa São Paulo está marcada para quarta-feira, às 10h (de Brasília), no Estádio do Pacaembu. O Corinthians enfrentará o Paulista, que avançou também neste domingo ao golear o Batatais por 5 a 1.

O caso do 'gato'

Até o momento, o Corinthians direciona a atenção para o Paulista de Jundiaí. No entanto, os dois clubes aguardarão o pronunciamento oficial da Federação Paulista de Futebol sobre a denúncia do Batatais sobre a irregularidade nos documentos do zagueiro Brendon Matheus Araújo Lima dos Santos.

'P..., que legal, se a base fosse o profissional'

O time do Corinthians encantou o público em Barueri. Tanto que o público, na parte final da partida, aproveitou o sucesso dos garotos para protestar contra a categoria profissional. "P..., que legal, se a base fosse o profissional", cantaram os corintianos.

Os protestos contra a equipe profissional começaram no primeiro dia da temporada, no CT Joaquim Grava. Centenas de torcedores cobraram reforços e pressionaram a diretoria. Sobraram críticas até para o ex-presidente Andrés Sánchez.

Artilheiro é artilheiro

Desfalque corintiano na vitória sobre Flamengo, Carlinhos retornou com gols. O camisa 9 abriu o placar na confortável vitória deste domingo e chegou ao décimo gol na Copinha. Ninguém anotou tantos gols quanto o corintiano nesta edição da Copa São Paulo.

Encorpou

O Corinthians chega na quarta-feira como favorito ao título. Não apenas pela força da camisa, mas em virtude do desempenho na fase de mata-mata. Em cinco partidas, a equipe de Osmar Loss anotou 15 gols e sofreu apenas quatro.

Fora da final

Osmar Loss possui um problema para a decisão da próxima quarta-feira. O lateral-esquerdo Guilherme Romão recebeu o segundo cartão amarelo na competição e está fora da decisão no Pacaembu. O camisa 6 ainda foi expulso na parte final do jogo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos