Com aproximação de eleição para presidente, clima político esquenta no SP

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • José Eduardo Martins/UOL

    Leco tem se reunido com conselheiros para discutir a sua candidatura

    Leco tem se reunido com conselheiros para discutir a sua candidatura

O clima está quente fora de campo no São Paulo. Com a aproximação da eleição para presidente, que será realizada em abril, os conselheiros começam a articular as chapas e as suas candidaturas.

O atual mandatário, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, participou de reuniões nos últimos dias com representantes de alguns grupos da situação (Vanguarda, Participação, Legião, Nova Força e o Pró SP).

Porém, apesar de a maioria apoiar Leco, ainda há mesmo dentro destes grupos quem se oponha ao dirigente. Nos próximos dias, os encontros devem se intensificar.

Por outro lado, o ex-vice-presidente e atual candidato Roberto Natel afirma que não vai desistir da eleição e também tem conversado com os conselheiros para tentar conseguir aumentar o número de votos.

"Nem eu ou alguém do meu grupo foi chamado para essas reuniões com o Leco. Sou candidato, só deixarei de ser quando fecharem as urnas", afirmou Natel.

Por outro lado, a oposição ainda estuda quem será o seu candidato. José Roberto Ópice Blum aparece como um dos mais cotados. De qualquer maneira, os principais grupos de oposição esperam definir até o dia 10 de fevereiro qual será a chapa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos