Jogadores da seleção compram bilhetes virtuais para ajudar a Chapecoense

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Instagram

Jogadores da seleção brasileira que atuam fora do país e não participarão do Jogo da Amizade entre Brasil e Colômbia nesta quarta-feira por não se tratar de uma data oficial da Fifa encontraram uma maneira de ajudar a família das vítimas do acidente aéreo da Chapecoense.

Philippe Coutinho, Daniel Alves, Renato Augusto, Miranda, Thiago Silva e Neymar foram algum dos que adquiriram o ingresso solidário, que custa R$ 50 e não dá acesso ao Engenhão, palco da partida. Eles postaram a imagem em seus perfis no Instagram.

O valor da entrada será somado à renda da bilheteria e destinado à Família Chapecoense.

Reprodução/Instagram

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos